Destaques
Para desenvolvedores: Apple libera quartas versões beta do iOS 8 e do OS X Yosemite [atualizado 3x: iTunes 12 e app Tips] Para desenvolvedores: Apple libera quartas versões beta do iOS 8 e do OS X Yosemite [atualizado 3x: iTunes 12 e app Tips]

Duas semanas após a chegada das terceiras versões beta, a Apple liberou hoje para desenvolvedores novas compilações do iOS 8 e do OS X Yosemite. As quartas versões de testes dos sistemas operacionais estão disponíveis para download pelo portal de desenvolvedores da Apple ou pelos próprios sistemas de atualização de iGadgets (Ajustes » Geral » […]

Apple anuncia a oitava edição do iTunes Festival, seu tradicional evento musical Apple anuncia a oitava edição do iTunes Festival, seu tradicional evento musical

A Apple anunciou hoje que, pela oitava vez, realizará o iTunes Festival em Londres (Reino Unido). Após uma versão reduzida do festival nos Estados Unidos, o evento volta à terra da rainha para mais um mês completo de muita música. O evento será realizado em setembro e contará com bandas e artistas de peso como […]

MacMagazine no Ar #098: novo hardware iBeacon, Apple e IBM, verificação de duas etapas e mais! MacMagazine no Ar #098: novo hardware iBeacon, Apple e IBM, verificação de duas etapas e mais!

Segunda-feira é dia de MacMagazine no Ar! :-D Participaram deste 98º episódio o núcleo completo do podcast — formado por Rafael Fischmann, Breno Masi e Eduardo Marques —, com a presença especial do Marco Gomes [@marcogomes], fundador da boo-box. Eis os assuntos do dia: 00:14:34 — Novo hardware da Apple com iBeacon 00:23:47 — Parceria Apple […]

Rumor: novos MacBooks Air entram em produção; suposto MacBook de 12″ ficará para depois Rumor: novos MacBooks Air entram em produção; suposto MacBook de 12″ ficará para depois

Não tem muito tempo, a Apple atualizou a sua linha de MacBooks Air. Não foi aquele upgrade que a gente estava esperando, afinal, a empresa só deu uma leve melhorada nos processadores “Haswell” da Intel. E, muito provavelmente por conta disso, o Economic Daily News informou [Google Tradutor] que a Maçã já mandou a ordem […]

Clones do “iPhone 6” já são vendidos na China Clones do “iPhone 6” já são vendidos na China

Não tem jeito: a expectativa em torno de um lançamento da Apple é sempre muito grande. Falando especificamente sobre o smartphone dela, rumores a respeito do suposto “iPhone 6” surgem todos os dias e o povo está bem ansioso para colocar as mãos no(s) novo(s) aparelho(s). E quando eu digo “ansioso” não estou exagerando, afinal, […]

Home » Acessórios, Gadgets, Software, Tecnologia, Vídeos

Conheça mais sobre as lâmpadas hue, da Philips, controláveis por iGadgets

em 11 de junho de 2013 às 21:56 por

A cada dia, conseguimos “dar mais poderes” ao celular e “ter mais poderes” através dele. Assim foi impressão que passei aos meus pais quando me viram controlar as luzes de toda a casa pelo iPhone, com as lâmpadas hue, da Philips. Nós já apresentamos elas aqui no MacMagazine, mas resolvi fazer um review com base na minha experiência para ajudar quem está em dúvida se vale a pena ou não adquiri-las.

Philips hue

De forma simples estamos falando de um conjunto de lâmpadas que podem ser controladas por iPads ou iPhones/iPods touch, através de um aplicativo — estando dentro ou fora de sua rede Wi-Fi. E quando digo controladas, isto vai além de ligar e desligar! Você pode mudar as cores das lâmpadas para dar um “clima especial” ao ambiente, configurar para elas acenderem/apagarem em horários específicos, apagarem quando você se distancia da sua casa — ou ligar quando se aproxima, e por aí vai.

Muitos amigos e leitores acham a ideia fantástica mas se assustam quando olham o preço e me questionam se vale realmente a pena, já que, para funcionarem, as lâmpadas dependem de um kit inicial que vem com um roteador e três lâmpadas, o qual sai por US$200 — elas são vendidas inclusive na Apple Online Store americana. Cada lâmpada adicional custa US$60 — mesmo nos Estados Unidos, estamos falando de um valor “salgado”. Este roteador utiliza um tipo de “rede” chamada ZigBee, pouco explorada. Podemos dizer que ela é uma forma de conexão de curta distância e cada lâmpada funciona como um replicador para o “sinal” se espalhar pela casa, passando o comando para as demais e fazendo com que tudo funcione.

Se você não tiver a paciência de abrir o aplicativo toda vez que quiser acender as lâmpadas na sua rotina, pode normalmente utilizar o bom e velho interruptor. Contudo, fazendo isso, elas acenderão em uma cor padrão (quente, amarelado).

Uma vez acesas, é possível trocar suas cores para qualquer uma das mostradas abaixo:

Philips Hue

Eu, que tenho um apartamento pequeno, na maioria das vezes as utilizo como lâmpadas comuns, mas quando quero ler alguma coisa, deixar o ambiente mais propício para assistir a um filminho com a namorada ou relaxar após um dia de trabalho, as configuro através do app de forma mais adequada à situação. Aí vejo que elas realmente valem a pena, porém a função de que eu mais gosto — principalmente nesta época de frio — é quando deito e descubro que esqueci alguma luz acessa (ou todas). Com um simples toque no botão “Turn Off All” (“Desligar Tudo”), as lâmpadas se apagam. Lindo! :-P

Com base no meu uso, posso dizer que elas são bem úteis. Como disse, meu apartamento é pequeno, mas posso afirmar que os que possuem uma casa ou apartamento grande se beneficiarão muito com elas. Imagine você, que tem uma varanda ampla e quer colocar o ambiente à meia luz, ou talvez uma casa de dois andares e, ao descer, lembrou que esqueceu uma luz acesa; quem sabe até um filho “sapeca” que não quer desligar a luz de jeito nenhum. Você poderá controlar tudo pelo aplicativo!

Uma das funções que uso bastante é o acendimento individual de lâmpadas. No meu quarto e na sala tenho três bocais e, antes, a única forma de não acender todas as três — para economizar energia — era afrouxar uma das lâmpadas para que ela não acendesse. Agora eu acendo todas ou somente duas, caso achar necessário. Também posso deixar uma de cada cor — algumas combinações deixam um clima bem agradável na casa.

Se você mora sozinho, uma função que pode ser bem aproveitada para não correr o risco de esquecer alguma luz ligada é configurar a hue para desligar quando você se distanciar. Outra função que pode ser muito útil — para quem tem medo de chegar em casa e estar tudo apagado, por exemplo — é configurar as luzes para se acenderem quando você estiver chegando. Imaginem aquelas casas grandes com quintal escuro — quem nunca viu uma casa assim? :-P

Para quem tem dificuldade de acordar, dá para configurar as lâmpadas para ligarem sozinhas em um horário determinado — uma ótima forma de lhe expulsar da cama. Um fato que observei depois de começar a utilizar as hue: minha conta de luz diminuiu. Achei que fosse coincidência mas ao confirmar informações no site do fabricante, vi que a elas usam até 80% menos energia que lâmpadas tradicionais — e isso é muito bom, obviamente.

Caso você não tenha configurado sua hue para desligar ao sair de casa, existe também a opção de ligar ou desligar remotamente, criando uma conta gratuita através do aplicativo. Com isso, de qualquer lugar, você poderá acender/apagar suas lâmpadas, o que é muito interessante para quem viaja constantemente e precisa dar algum movimento na casa, para não parecer que ela está “abandonada”.

O pacote de introdução da Philips hue inclui:

  • Três lâmpadas de 600lm (equivalente a 50W).
  • Um roteador para as lâmpadas que é facilmente configurado em sua rede.
  • Fonte de alimentação para o roteador.
  • Cabo de rede para ligá-lo ao seu roteador.
  • Instruções para download do aplicativo.

Vale lembrar que ela, sozinha, não funcionará. Você *precisa* de kit inicial (mais precisamente do roteador) para que tudo funcione perfeiramente. ;-)


iconPhilips Hue

Grátis | 28.5 MB | requer o iOS 4.3 ou superior.
Universal, compatível com iPads e iPhones/iPods touch.
Desenvolvedor(a): Philips.
Badge / botão grande - Disponível na App StoreCódigo QR Código QR

Se houver algum erro neste post, selecione-o e pressione Shift + Enter ou clique aqui para nos notificar.



Quem Escreve?
Michel Duarte Corrêa
Michel Duarte Corrêa
Paulista de 35 anos, tem mais de 14 anos de experiência no ciclo de desenvolvimento de projetos com expertise em controle de qualidade de software (QA). Gerencia projetos de desenvolvimento para soluções web usando Java EE e .NET, iOS, Android e projetos em Kony. Um dos pioneiros nos testes de aplicativos para dispositivos móveis, como Palms em 1999 e 2000, atuou em empresas como AOL e Microsoft, em projetos para o Governo de São Paulo, a FingerTips e outras.
Artigos Relacionados
Últimos Posts do Fórum

Trackpad do MacBook Pro não clica.
Último post de: Igor Vilarin

[É BOM?] Ssd Kingston Ssdnow V300 Series 2.5
Último post de: milson

[MacBook Pro] transmitir vídeos para a Apple TV via AirPlay
Último post de: Gustavo Wentz Biasuz

Update OS X Yosemite
Último post de: Adalberto Taylor

Carregador veicular para iPhone 5s
Último post de: Ralph Casoli

MacMagazine em Redes Sociais
Feed do MacMagazine
Notícias da INFO

Segurança
Rebeldes entregam caixas-pretas de avião que caiu a malaios

Ciência
Mortes e infecções por HIV, tuberculose e malária despencam

MacMagazine no Ar

iTunes Assine na iTunes Store

Enquete: participe!

Se os rumores forem quentes, até quanto você pagaria num "iWatch"?

  • Até R$300 (24%)
  • Até R$500 (31%)
  • Até R$1.000 (29%)
  • Até R$1.500 (9%)
  • Até R$2.000 (3%)
  • Mais de R$2.000 (4%)

Total de votos: 2.575

Apps atualizados
MacMagazine por Email

Preencha o seu email no campo abaixo para receber todas as nossas novidades gratuita e diretamente na sua Caixa de Entrada! ;-)

Shuffle!

Shuffle - Post Aleatório

· · ·

2002-2014 © MacMagazine.com.br — Todos os direitos reservados. Política de Privacidade  |  Anuncie Aqui  |  Sobre o MM  |  Contato Logo do MacMagazine