Inklet é um aplicativo que libera a Wacom que há nos trackpads multi-touch da Apple

Os enormes trackpads de vidro que a Apple introduziu com os primeiros MacBooks unibody e depois estendeu para quase todos os portáteis (menos para o Air, mas ele deverá ser revisado logo, logo) são, em uma palavra, fantásticos. A sensibilidade e a precisão deles parecem desperdiçadas com as poucas funções que lhes foram atribuídas: ora, se eles podem ser usados até para reconhecer a escrita de ideogramas chineses, por que não dar-lhe funções mais similares à de uma tablet?

É aqui que entra em cena o Inklet: trata-se de um programa desenvolvido pela Ten One Design que, quando pareado com uma Pogo Sketch, transforma o que era um reles trackpad em uma tablet para desenho ou reconhecimento de escrita, com direito a níveis de pressão e tudo. Claro, nada substitui uma Wacom de verdade na hora de fazer um desenho profissional, mas a praticidade do Inklet com certeza cai bem na hora de fazer rabiscos rápidos ou para um momento em que sua mesa digitalizadora estiver inacessível.

Veja como ele pode ser usado com o Photoshop:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=7KVFmE8la6w[/youtube]

Algumas capacidades interessantes do Inklet merecem destaque: é possível ignorar toques indesejáveis no trackpad (sua mão repousando sobre ele enquanto desenha com a Pogo Sketch, principalmente), ter uma área de atuação facilmente configurável e poder ser desativado rapidamente com uma tecla de atalho para selecionar ferramentas. Tudo isso dá um ar profissional ao aplicativo e, honestamente, deixa quem é louco por desenho com água na boca… :-P

Um porém bem grande, contudo, é a forma como você movimenta o cursor na tela: tocando a ponta da caneta bem de leve — totalmente diferente do padrão para tablets. Imagino que deva ser complicado, para quem já é acostumado a usar acessórios especificamente para desenhar, acostumar-se com esse detalhe ou até conseguir uma pincelada precisamente fina.

Outra utilidade para o Inklet é reconhecimento de escrita, como você pode ver em ação no vídeo abaixo:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=XEhL6suRC0E[/youtube]

Neste caso, eu não me sinto totalmente convencido: apesar de não ter familiaridade com outros softwares com esta função, a velocidade que o aplicativo converte o manuscrito em texto parece conferir um lag notável ao ato de escrever. De qualquer modo, este é apenas um detalhe adicional à função que julgo ser a principal: desenhar.

O Inklet custa US$25, mas está disponível em uma versão grátis (acredito que a limitação dela seja apenas uma splashscreen) e pode ser usado em MacBooks com trackpad multi-touch e Snow Leopard (Mac OS X 10.6 ou superior). Contudo, para tirar proveito total do aplicativo, uma Pogo Sketch pode ser recomendável: ela custa US$15 e é compatível com trackpads e touchscreens — iPhones, iPods, Zunes HD, DROIDs e BlackBerries Storm; muito útil para quem vive em lugares gelados e precisa usar luvas espessas. Caso você queira adquirir ambos, é possível comprá-los com um pequeno desconto por US$35.

[dica do Ricardo Nani, via Macworld]

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaço acima é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido). Em caso de insistência, o usuário poderá ser banido.