Apple pode estar trabalhando para tornar o Mac OS X Lion independente de resolução

O assunto não é novo: falamos bastante dele quando aguardávamos a chegada do Mac OS X 10.6 Snow Leopard [1, 2], mas já é um tema em pauta há muito tempo — possivelmente desde o 10.4 Tiger. E parece que será só agora, no 10.7 Lion, que a coisa irá vingar pra valer.

Nada foi dito oficialmente no lançamento do Developer Preview, hoje cedo, nem encontramos nada nas suas notas de liberação, mas o MacRumors afirma que o sistema operacional já está sendo preparado para se tornar independente de resolução (Resolution Independence).

Mac OS X 10.7 Lion em MacBooks Air

Puxando a ideia do próprio iOS (mais uma vez, “de volta o Mac”), a Apple poderá passar a permitir que desenvolvedores criem imagens com o dobro de resolução das atuais (os chamados “HiDPI display modes”), a fim de preparar seus apps para suportarem futuros “displays Retina” também em Macs. Um MacBook Pro de 15 polegadas que hoje roda a 1440×900 pixels, por exemplo, poderá no futuro oferecer uma resolução de 2880×1800 pixels.

Assim como no iPhone 4 e no iPod touch 4G, na prática os elementos da interface permanecem do mesmo tamanho. O que muda é o seu nível de definição/detalhes, visto que os pixels se tornam muito menores. Telas Retina são chamada assim porque, a olho nu, é impossível enxergar os pixels do display.

Os MacBooks Pro lançados hoje não trazem nenhuma novidade nesse sentido e é possível que ainda vejamos alguns Macs chegando com telas “convencionais” (mesmo as atuais já são show de bola), mas a tendência é que, nos próximos anos, todos os displays de produtos fabricados pela Apple sigam essa tendência Retina.

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaço acima é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido). Em caso de insistência, o usuário poderá ser banido.