John Gruber faz suas apostas sobre o(s) iPhone(s) que a Apple vai apresentar na terça-feira


Caneta Para notificar nossos editores de um erro no post, selecione o texto e pressione Ctrl + Enter.
Por
30/09/2011 às 23:20

Falta pouco para sabermos o que a Apple preparou para seus fãs: o que terá ela guardado para nos mostrar só no próximo dia 4? Um iPhone? Dois iPhones? Três iPhones, cinco iPods, um iPad Retina e um MacBook Pro de 17 polegadas com uma touchscreen no lugar do teclado? Um mordomo digital? Ao contrário do que houve no ano passado, em que todo mundo já tinha certeza da aparência do iPhone 4 meses antes da apresentação oficial, em 2011 estamos no escuro.

Mockup do iPhone 5 baseado em cases

Se bem que tem aquela história do gadget em forma de cunha (ou de lágrima, como dizem lá fora) e as cases bizarras, enormes, para dito gadget. Será que ele é o iPhone 5? John Gruber, do Daring Fireball duvida. Apesar de afirmar não saber de nada concreto a respeito dos planos da Maçã, ele não acha que seja certeza a apresentação de dois iPhones diferentes — se muito, um iPhone 4 de 8GB e um iPhone 4S de 16/32/64GB. O hardware do novo smartphone certamente incluirá um processador A5 e uma câmera melhorada, mas um exterior novo… bem, aí complica, especialmente se for o que andou circulando pela internet.

Mockup do iPhone 5 baseado em cases

Há uma série de problemas com um iPhone em forma de cunha: ao contrário de um MacBook Air, um gadget desses é segurado de diversas maneiras, na vertical, na horizontal, como volante, para tirar fotos… Qualquer assimetria pode tornar o uso dele desconfortável e, se alguns rumores estiverem corretos e ele tiver uma “testa” menor que o “queixo”, aí podemos dizer que a coisa ficou feia. Literalmente. Isso sem falar que aumentar o tamanho da tela não é muito Apple-like — a Maçã gosta de encolher seus produtos, e não fazê-los crescer. Há a história de o display tocar as bordas, porém… Viu, como é complexo?

Claro, a Apple pode muito bem ter conseguido a façanha de preparar um iPhone com um design novo 100% secreto, mas havemos de convir que as chances de isso ter acontecido não são muito grandes: a indústria de rumores tem cada vez mais ninjas. Estou com Gruber nessa aposta de que o gadget superfino com que convivemos nestes tempos não deve ser um iPhone. Seria muito mais plausível se ele fosse um novo iPod touch, mas isso não ajuda muito porque quase todos os “problemas” desse formato em um smartphone se aplicam também a uma minitablet.

Mockup do iPhone 5 baseado em cases

Enfim, estamos no escuro: se, por um lado, é duvidoso falarmos de um iPhone como o da imagem acima, ainda assim temos que saber o que diabos é esse gadget, pois ele deve existir, as cases não mentem jamais. Só é uma pena que as cabeças já estejam praticamente feitas: se a Apple não apresentar um iPhone 5, #epicFAIL, apesar de um iPhone 4S ser, para todos os efeitos, a mesma coisa.

Posts relacionados
Comentários

Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: