OS X estaria limitando a velocidade de transferências via Wi-Fi nos novos MacBooks Air [atualizado]


De acordo com o Ars Technica, há algo de errado também na forma como o sistema OS X lida com as transferências de arquivos, fazendo com que os ganhos de velocidade no padrão 802.11ac (“Wi-Fi Gigabit”) sejam bem menores do que os esperados.

Comparativo de velocidade de transferência

Em condições normais, os ganhos de performance chegariam a até 189% se comparados com o padrão 802.11n, mas isso não aconteceu nos testes realizados por Andrew Cunningham. Segundo ele, a teoria do pessoal do AnandTech é a mais plausível — de que deve ter a ver com a forma que o OS X lida com o dimensionamento de janelas TCP (transmission control protocol, ou protocolo de controle de transmissão).

Comparativo de velocidade de transferência

Ao realizar testes com os novos MacBooks Air, mas utilizando o Windows, os ganhos do “Wi-Fi Gigabit” passaram de 70% para 158%. Ou seja, o problema relacionado a isso não está no hardware das novas máquinas, e sim no software — o que é ótimo, já que a Apple pode corrigi-lo através de uma “simples” atualização do sistema.

Por outro lado, na semana passada nós falamos que alguns usuários estavam reclamando da conectividade da máquina. Agora, o 9to5Mac informou que, lá fora, quem estiver enfrentando esses problemas pode passar numa Apple Retail Store e trocar o MacBook Air “defeitoso” por um novo, já que a empresa está pegando esses computadores para uma análise mais aprofundada do possível problema. Isso *não* quer dizer, porém, que todas as unidades estão com defeito e que haverá um recall.

Nós entramos em contato com um Centro de Serviço Autorizado Apple brasileiro para sabermos se o procedimento também é válido por aqui. Assim que recebermos a informação, atualizaremos este post.

Atualização

Conversamos com um responsável por um Centro de Serviço Autorizado Apple e ele nos informou que a empresa costuma trabalhar de uma outra forma no Brasil. Aqui, para que uma troca de máquina seja feita, é quase que obrigatório a inclusão do modelo no programa de extensão de manutenção e troca — ou em casos bem pontuais. Sendo assim, é muito improvável que você, consumidor que adquiriu um MacBook Air e está passando por problemas de conectividade, consiga resolver isso visitando um Centro Autorizado Apple.

Mas isso não quer dizer que o problema não será resolvido. A probabilidade de a Apple resolver tudo com uma atualização de sistema ou de firmware é bem grande. Caso não seja esse o caso e a empresa constate que a falha é mesmo no hardware, aí sim os novos MacBooks Air entrarão no programa de extensão de manutenção e troca. Mais levando até mesmo o histórico de problemas desse tipo em consideração, em breve deve pintar um update com as correções. 😉

Posts recomendados

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: