Brackets, da Adobe, é um novo editor de textos focado em design para a web


Caneta Para notificar nossos editores de um erro no post, selecione o texto e pressione Ctrl + Enter.
Por
16/11/2014 às 12:44

Soa até estranho vermos um novo software saindo da Adobe. Que dirá um multiplataforma. Pior ainda um com o seu código todo aberto. E, além disso tudo, realmente promissor e interessante.

Pois esse é o Brackets.

Adobe Brackets

O Brackets é um novo editor de textos leve e moderno, focado em design para a web — excelente para quem trabalha com HTML, CSS e/ou JavaScript. Trata-se de um projeto que vinha sendo desenvolvido há bastante tempo na Adobe (pouco mais de dois anos), mas que agora chegou à sua versão 1.0, estável.

Um dos recursos mais bacanas do Brackets é o Live Preview, que envia para o navegador mudanças feitas no código em tempo real permitindo que o desenvolvedor alterne entre eles para conferir os resultados de suas alterações sem nenhuma perda de tempo. Outra funcionalidade muito prática, esta ainda em testes, é a Creative Cloud Extract: com ela, é possível gerar um limpo/organizado arquivo CSS a partir de um PSD sem conhecimento nenhum de código.

O Brackets é gratuito e está disponível imediatamente para download em versões para OS X, Windows e Linux. Ele já conta inclusive com suporte a extensões, o que é excelente para expandir as suas possibilidades.

[via Tecnoblog]

Posts relacionados
Comentários
  • Uso a uma semana e recomendo d+, o livre preview é ótimo.

  • Rodrigo Vieira

    Eu usava há algumas semanas, mas acho que carece de várias funções. Como chegou em sua versão estável, irei testar novamente.

  • Fabricio

    Não utilizo nada da Adobe, tenho aversão aos seus softwares.

  • Marcos Tulio

    Estava atrás de um editor de qualidade. O Coda 2 é muito caro ($99), o Dreamweaver é muito pesado e o Sublime não gostei. Vamos ver este agora.

  • Miguel Machado

    Usei este semana num ultimo projecto que fiz e passou a ser a ferramenta a usar. Com alguns plugins fica no ponto

  • Fábio ZC

    depois que conheci o sublime.. nao troco por nada!

  • Luiz Felipe

    Sublime ainda me parece uma melhor opção, só não sei dizer se ele possui algum live preview para webs, pois uso para linguagens SQL e R

  • Brunno Pleffken

    Não gostei do Coda 2… Não existe nem a possibilidade, se quer, de segurar Cmd + click pra fazer múltiplas seleções (multi-caret), na versão 2 tiraram o editor visual de CSS… Enfim, muito caro pro que oferece!!!

  • Brunno Pleffken

    Esse é um projeto open-source, código aberto desenvolvido pela comunidade, não é necessariamente desenvolvido “pela Adobe”… Inclusive fui um dos contribuintes com o projeto desde sua versão beta…

  • Pedro Canelas

    Difícil de te agradar hein? rs Já tentou Atom, Textmate ou Espresso?

  • Andre Brasiliano

    Faltam muitos recursos básicos… Muito atras até mesmo do Notepad++! Esperava mais por ser da Adobe! Quando chegar a ter 10% das funcionalidades do SublimeText talvez possa ser usável…

  • Bruno Serrão

    Existem pessoas que nasceram só para receber atenção afirmando que odeiam certas marcas.

  • Rui Monteiro

    a página está off line!

  • Marcos Tulio

    Desenterrou o Textmate rssss! Não conhecia bem o Atom. Vou dar uma fuçada nele. Obrigado pela dica. Viu que sou fácil de agradar rssss!

  • Marcel

    quais plugins?

    onde baixar?

  • Miguel Machado

    Eu faço desenvolvimento a nivel de front end por isso as minhas necessidades estão muito ligadas a HTML, CSS e JS. Ao contrario do sublime por exemplo, instalar plugins no brackets é bastante simples. Basta clicar no icon que aparece no canto superior direito e tem lá tudo. Pessoalmente uso o emmet para zen coding, git, adobe edge fonts, css color preview, spell check entre outros. A nível de temas uso a versão black. Para finalizar o workflow, uso uma aplicação chamada codekit.

  • Pedro Canelas

    Bem, sinceramente se você não gostou do Sublime, eu não acredito que você vai gostar do Atom. O Textmate eu usei muito, mas substitui pelo Espresso. Do Espresso eu fui pro Sublime e logo depois pro Atom. Alguns meses atrás eu testei o Textmate 2, mas na época era beta e cheio de bugs, acho que os caras perderam o timing. Uma coisa é certa, o MacOS está muito mais bem servido de editores do que Windows e Linux. Enfim, boa sorte aí! 🙂

  • Muito bom esse aplicativo. Adobe fazendo software livre é bem raro eheh

  • Kate do KDE (Linux). Fantástico!
    De volta ao Mac, estou à procura de um editor à altura. TextWrangler continua excelente como sempre. 🙂

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaço acima é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido). Em caso de insistência, o usuário poderá ser banido.


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: