Há uma semana exata, um suposto desenho técnico do “iPad Air 3” abriu a possibilidade de o tablet vir com um sistema de quatro alto-falantes à la iPad Pro, bem como um flash LED junto à sua câmera iSight traseira.

Pois o Engadget divulgou hoje a imagem acima (enviada por “uma fonte confiável”), não só corroborando isso que vimos há alguns dias mas destacando também a presença do Smart Connector (outra coisa exclusiva do iPadão, por enquanto). E isto faz todo sentido, na minha opinião.

O novo iPad de 9,7 polegadas seria também, segundo o desenho, 0,05mm mais espesso e 0,1mm mais largo que o iPad Air 2 — diferenças quase insignificantes. O que não dá para saber, com base nisso, é se ele ofereceria ou não suporte ao Apple Pencil (algo também rumorado).

A coisa já está ficando tão quente que neste fim de semana o site francês NWE teve acesso [Google Tradutor] a fotos de uma case para esse “iPad Air 3” que já está sendo produzida na China, justamente com base nos desenhos técnicos vazados:

Tudo indica que esse novo iPad Air será anunciado num evento especial a ser realizado pela Apple em março, junto de um novo iPhone de 4 polegadas e de novas pulseiras para o Apple Watch.

  • Meu iPad 3 finalmente pode dar tchau… tá funcionando ainda, mas parece uma frigideira de péssima bateria.

  • Ericfym

    O iPad Pro já nasceu como uma proposta duvidosa, cara e sem um público bem definido.

    Se esses rumores se confirmarem e o Air 3 acabar sendo um “Pro mini”, mas com o mesmo valor dos seus antecessores, então a própria Apple estaria enterrando a linha Pro.

  • Seria o mesmo que dizer que o MacBook Pro de 15″ deveria ser enterrado porque existe o de 13″. Tem gente que prefere/precisa de mais espaço, de tela maior.

  • Ricardo Fialho Henriques

    Espero que esses 0,05mm à mais de espessura o deixem mais resistente que o Air 2, quem tem um sabe que tem um ponto específico atrás que se der uma apertada mais “forte” (não é tão forte assim) aparecem manchas na tela. Já testei alguns em loja e todos sofrem desse problema, que na prática não impacta em nada, mas é algo à ser resolvido…
    E no final das contas, esse Air 3 ao que tudo indica será uma versão menor do iPad pro, que o preço seja “bem menor” também… Até parece haHahHa…

  • Ericfym

    Acho que estamos falando de laranjas e bananas aqui.

    Notebooks naturalmente podem ser considerados ferramentas de trabalho, logo, uma tela maior realmente pode ser necessária.

    Tablets nasceram com a mentalidade de “portatibilidade” no seu DNA. Se vc quer algo maior e mais pesado, notebooks já estão aí desde sempre (e mesmo assim, o de 17” foi enterrado).

    O iPad Pro para ser considerado uma ferramenta profissional, na minha opinião, tinha que ter vindo com o OS X, ou, pelo menos, uma versão customizada mais robusta do iOS.

    Fora que não vem nada incluso. Sem os, superfaturados, teclado e lápis, ele não passa de um iPad gigante.

  • Phillip César

    Ou seja, será um iPad pro de 9.7 polegadas.

  • Ajustes

    Tenho um iPad Air 2 há um ano e nunca percebi esse problema.

  • paulobr

    Você pode não considerar o iPad como uma ferramenta de trabalho, mas muita gente usa ele exatamente dessa forma.

    Também acho que falta a Apple implementar recursos no iOS, mas dizer que o iPad não serve para trabalhar, é olhar apenas para o próprio umbigo.

  • Ericfym

    Paulo, vc precisa ler melhor as coisas antes de ficar colocando palavras na boca dos outros.

    Em nenhum momento eu disse que o iPad não pode ser considerado uma ferramenta de trabalho. Disse apenas que o fator “portatibilidade” é de suma importância para tablets.

    O que as pessoas fazem com suas coisas é o que dita se as mesmas podem ser consideradas ferramentas de trabalho ou não.

    O meu problema é com a Apple, que chegou marketeando o iPad Pro como algo “profissional”, sendo que, fundamentalmente, ele não se difere muito da sua linha “não-profissional”.

    E, uma vez que não vem nada incluso, ele poderia ser considerado, no máximo, “pro ready”. Repetindo o que eu disse antes, sem os acessórios, ele não passa de um iPad maior e mais caro.

  • Ricardo Fialho Henriques

    Como eu disse, por isso não impacta em nada No cotidiano, só percebi depois que eu li na internet e comprovei eu mesmo. Tente apertar um pouco a traseira do seu no centro mais à direita (direita se estiver olhando pra tela). Tentei fotografar, foi o melhor que deu:

  • Ajustes

    Entendi. Aqui até que apareceu uma manchinha, mas tive que colocar muuuita força.

  • 199X KID

    tenho quase certeza disso

  • 199X KID

    peguei meu Mini 2 por 1400 pouco tempo depois que foi lançado e hoje ele custa mais de 2000, fico de cara com isso

  • Ricardo Fialho Henriques

    Com certeza varia um pouco de um aparelho pro outro, mas no geral todos tem. Ainda assim, não tenho mais do que reclamar, é um ótimo aparelho, para o qual não vejo quase nenhuma utilidade, apesar de eu ter. É um iPod touch gigante e potente, nada mais… Gosto mais de ter do que de usar o iPad, mas pelo menos meus pais usam e adoram, então valeu o investimento.

  • Ricardo Fialho Henriques

    Concordo plenamente. O iPad pode até ser usado pra trabalhar, mas de modo muito específico, ele definitivamente não é uma ferramenta essencial que faz tudo que a maioria das pessoas precisaria pra trabalhar, e em poucas atividades profissionais substitui um computador, e mesmo os Apps que podem ser usados com finalidades mais profissionais, estão em grande maioria presentes no iPhone e iPod touch, o difirencial mesmo do iPad é o tamanho, que permite uma interface melhor, e o desempenho, dependendo do modelo. E como disse, sem os acessórios não tem nada de muito diferente de um iPad Air 2 por exemplo. No final das contas, iPad de maneira geral é um iPod touch gigante, a diferença é mínima.

  • Ajustes

    O que me incomoda um pouco no iPad Air 2, mas que não tem como evitar, é a vibração no corpo do aparelho, quando os auto falantes estão tocando algo. Eu sempre digo aqui, o iPad é o dispositivo que mais uso e gosto. Pra mim, é útil no lazer, internet e trabalho, muito mais que MacBook e iPhone. Hahaha Meus pais também curtem o meu antigo iPad 3.

  • iPad pro (7.299,00)
    iPad Air (4.299,00)
    iPad mini (3.299,00)

  • Ajustes

    + LED na câmera.

  • Ajustes

    Pois é, mas eu acho que a Apple deveria sempre lançar os dois juntos e com configurações iguais. Mesmo iPad, mas com dois tamanhos diferentes, tão simples…

  • Ajustes

    Pois é, mas esse caso que o Ricardo comentou acontece ao apertar a parte de trás, não a tela. Se não há problemas com isso no iPhone 6s, acho que não terá no iPad.

  • Phillip César

    Meu iPad 2 continua firme e forte

  • Ricardo Fialho Henriques

    Eu peguei o meu usado no OLX há mais de 8 meses, tinha dois meses de uso, zero bala, película de vidro, caixa, acessórios e nota (trazido dos EUA), paguei 1600 (não lembro o preço da época na Apple). Hoje, 8 meses depois está valendo na Apple 3300! Se eu tivesse uns contatos fortes lá dentro, ia comprar um monte de iProducts e esperar o preço deles ir lá em cima, depois vendia tudo. Pra que investir em bolsa e ações? Bora investir em iProducts hAhahHaha…

  • Ricardo Fialho Henriques

    Ele vibra bastante com o som alto, chega a dar uma sensação estranha nas mãos. O aparelho que mais uso é o iPhone, até porque o iPad aqui em casa é algo comunitário. O iPhone é minha estação de entretenimento, junta tudo que eu preciso numa coisa só, e é mais leve e facil de segurar, principalmente deitado. Nele eu uso o whatsapp, meu email e meus games que não estão no iPad (não está no meu ID), navego, escuto música, ou seja, coisas que eu poderia fazer no iPad, e outras não, como o Whatsapp, já que eles não fazem o favor de lançar pra iPad e permitir o uso em vários dispositivos como o telegram…

  • Vinny Belém

    iPad pro é uma bobagem… Sou profissional de Design e não há necessidade nenhuma deste modelo. Bastava mesmo uma stylus própria e dedicada a aplicações profissionais.
    Continuem investindo no Air please. No mini tbm.

  • Mesma materia do macrumoes, paia!

  • Hã? Sim, os editores do MacRumors assim como nós acompanham o Engadget.

  • Pensei que vcs não copiavam matérias de outros site assim como me falaram uma vez, achei engraçado isso!

  • Cara, eu não copiei matéria de site nenhum. Eu escrevi cada linha do artigo acima, usando o Engadget como fonte de informação (a mesma coisa que o MacRumors fez).

    Todos os artigos do nosso (e de qualquer) site é feito assim, salvo quando é conteúdo autoral — algo que vem da nossa cabeça, algum teste de produto que realizamos, alguma dica enviada por leitor ou alguma matéria criada diretamente por informações de uma empresa/fabricante, só para citar alguns exemplos.

  • iRon

    Se a matéria é importante, porque não publicá-la?
    Quer dizer que se um jornal publicar o outro não pode? Eu prefiro acessar aqui do que os gringos.
    Nao seja como alguns blogueiros que tentam imitar o Steve Jobs…apenas na personalidade ruim!

  • paulobr

    3 tamanhos, você quis dizer… 🙂

  • Idem

  • paulobr

    Bom, cada um pensa de um jeito diferente.
    Você não vê diferença entre o Pro e o Air, assim como muita gente não vê diferença no Air e no mini, ou ate mesmo entre iPod e o iPad (como o Ricardo aqui), considerando o mesmo aparelho, apenas com tamanho de telas diferente. E pode facilmente ser encarado dessa maneira, realmente.

    Mas muita gente que compra o mini não compraria o Air, mesmo que eles tivessem o mesmo preço. E há quem compra o Air, e não compraria o mini mesmo que ele fosse incrivelmente mais barato. Simplesmente, porque acham que um tamanho de tela atende bem, e outro não.
    Para o Pro é a mesma coisa.

    Em tempo, o fato do acessório não vir com o aparelho não o torna inútil. A possibilidade de usar o acessório já vale. Quando um fotógrafo paga caro por uma câmera com lentes intercambiáveis, ela não vem com várias lentes. Mas ele paga caro, pela possibilidade de trocá-las.

  • Guto brugnera

    sua opinião, para tantos outros um equipamento indispensável. Talvez você não seja um profissional que necessite desse equipamento, pela simplicidade e amadorismo dos seus trabalhos.

  • Ericfym

    Bom, não vou discutir quanto à existir público para todas as linhas, agora, que exista “muita gente” que se enquadre nessas situações que vc citou, eu já não garantiria.

    Seria o mesmo que afirmar que muitas pessoas compram coisas sem levar em consideração custo/benefício, o que não é verdade..

    Novamente, não sei exatamente o que vc tá falando, já que não falei que o Pro é inútil por não vir com acessórios.

    A questão é que o iPad Pro já está nos valores de notebooks e ninguém discordaria que notebooks são ferramentas mais completas e, potencialmente, mais voltadas para o ramo profissional que um tablet.

    Vc pode argumentar que uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa, mas pergunto novamente: para quem o iPad Pro seria seria uma ferramenta de trabalho indispensável que o iPad “não-Pro” não poderia suprir?

    Público pouco definido + preço super elevado + “pelado” + suposto iPad Air 3 “iPad Pro Mini” muito mais em conta..

    Enfim, se quiser apostar as suas fichas no iPad Pro, vai fundo! Cada um sabe o que faz com o próprio dinheiro.

  • ABM1980

    Você é acionista ou funcionário da Apple? Pra que essa paixão toda em defender a empresa? Ofendeu outro user só porque ele não gosta do aparelho? Admito que a Apple é uma empresa diferenciada e tem produtos muito bons, mas não significa que tudo que ela faça é melhor que o dos outros. Olha aqui a sua foto junto com o Tim Cook. Obviamente que você é o que está embaixo!

  • carlos

    Meus ipad 2 (2011) e ipad 3(2012) estão firmes e fortes, e parafraseando star trek, vida longa e próspera aos dois. 🙂 Nem passa pela minha cabeça em substituí-los, afinal de contas um novo custa uma pequena fortuna, aliás, eles não seriam substituídos, apenas seriam repassados para um familiar próximo (filhos, irmãos, pais, etc) e assim a saga deles continuaria.

  • Thiago Buccos

    Também sou da área e adoraria usar o produto. Cansei de ler reviews na internet com feedback positivo. Olha o preço de uma boa mesa digitalizadora aqui no Brasil. É absurdamente cara como o iPad Pro. Uso uma Adonit Jot Pro no meu Air 2 e confesso passar raiva. Imagino que a solução da Apple seja superior em todos os quesitos por se tratar de algo nativo.

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaço acima é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido). Em caso de insistência, o usuário poderá ser banido.

O MacMagazine faz parte do grupo iMasters, mantido pelas seguintes empresas: