WhatsApp traz de volta o antigo status do usuário (mantendo também o novo); vídeos agora são reproduzidos imediatamente

Fãs do mensageiro WhatsApp, temos novidades para vocês! O aplicativo para iOS foi atualizado hoje com boas novidades. A mais polêmica delas, sem dúvida, é o retorno do antigo status. Mas calma lá, deixa eu explicar tudo direitinho…

Num passado não muito distante, quando Mark Zuckerberg ainda não estava determinado em simplesmente aniquilar o Snapchat, você indicava o seu status no WhatsApp (se estava disponível, ocupado, dormindo, trabalhando, com pouca bateria, etc.) com uma eficiente mensagem que ficava próxima ao seu nome; mas, com o avanço do seu plano maléfico, o CEO do Facebook resolveu tascar o tal do Stories (forma de você contar, com fotos e/ou vídeos, como foi o seu dia) em tudo que é serviço do seu conglomerado — incluindo, é claro, o WhatsApp.

Função "Recado" no WhatsApp para iOS

Pois hoje a antiquada e eficiente forma de você mostrar ao mundo o seu status está de volta. Mas não, Zuckerberg não se arrependeu da besteira do que fez e voltou atrás: os dois formatos de status estão convivendo em perfeita harmonia na versão 2.17.10 do mensageiro. Para ajustar o seu status em forma de texto no seu perfil (chamado agora de “Recado”), vá em “Ajustes” e depois toque no seu nome.

Além disso, a nova versão reproduz vídeos das suas conversas imediatamente, sem precisar esperar que eles sejam baixados. O vídeo em si ainda precisa ser baixado no seu telefone enquanto ele está sendo reproduzido, mas ao menos você agora não perde mais tempo esperando a finalização do download. Outra novidade é a possibilidade de tocar no ícone da lua na câmera do WhatsApp para capturar melhor fotos e vídeos quando estiver escuro e, ao editar uma foto, usar o 3D Touch no ícone de corte para cortar a imagem instantaneamente e preencher a tela do seu telefone.

Corre lá e atualiza:


icon

WhatsApp Messenger

de WhatsApp Inc.

Compatível com MacsCompatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple WatchesCompatível com Apple TV
Versão 2.17.20 (135.2 MB)
Requer o iOS 7.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

  • Whatsapp provando que o consumidor tem sempre razao, ou, no minimo, poder de mimimi

  • Eron Menezes

    Aki nao reproduz sem ser baixado nao o.O

  • Arnaldo Netto

    WhatsApp provando que nao se deve mexer com HueHueBR pois a zoeira é sem limites.

  • Saulo Tadeu

    Por não gostar de digitar no celular, eu uso muito as mensagens por voz. Mas ainda não li nada a respeito de um problema que tenho constatado em quem tem iPhone. Não consigo mais mandar uma mensagem inteira. Com poucos segundos de mensagem ela encerra. Tenho que mandar em capítulos. Esse assunto já foi abordado por aqui?

  • Se vc usa película de vidro, provavelmente é ela quem está atrapalhando. Comigo acontece isso. Para evitar, clico no microfone e, enquanto falo, fico deslizando o dedo acima do microfone, assim evita que a mensagem não seja completada.

  • Mando audio gigantes de mais de minutos (sim, sou desses, me empolgo e baixa o locutor em mim) e nunca tive esse problema… acho q vc deve estar com o dedo escorregando pra fora do icone do microfone e ai o audio para de ser gravado e pei! é enviado! Tem q ver isso ai amigo! Ou eh tremedeira inconsciente e ai tem q consultar o doutor!!

  • Saulo Tadeu

    Eu uso película também. Fiz o teste antes de responder e consegui falar por 1 minuto seguindo a sua dica. Obrigado Cato!!!

  • Saulo Tadeu

    Ver dica do Cato abaixo. Obrigado pelo seu interesse em ajudar.

  • Ufa! Não precisamos do doutor!
    Q bom!

  • Opa!

  • Eron Menezes

    Mas é o q diz la o.O

  • Gustavo Michels

    Nunca usei isso aí e nunca vou usar hahahahah!!

  • Takuma Tanaka

    Ou então “faz o teclado aparecer” (e o microfone irá para o “meio” da tela) assim “fugindo” da borda da película. É infalível. Mensagem picada nunca mais!!!

  • João Sem Braço

    Revogar a mensagem que é bom nada…

  • Raniere Dantas Valença

    #telegram

    #telegram

    #telegram

  • Raniere Dantas Valença

    PELÍCULA e sensibilidade do 3D Touch!

  • #SemUsuários

    #SemUsuários

    #SemUsuários

  • O WhatsApp poderia criar uma enquete no Facebook perguntando qual recurso o povo mais quer.
    Minha sugestão: “Fulano X quer adicionar vc ao Grupo Y. Vc aceita o convite ( ) SIM ( ) NÃO

  • Acredito que seja “sem ver o processo de baixar”. Ou seja, ele gasta usa franquia e bateria com atividade em 2º plano, pra você sustentar sua futilidade com mais conforte… Kkkkk

  • Isso e voltar com a aba favoritos e/ou contatos…

  • Diogo Amaral

    WhatsApp é mal imposto pela sociedade

  • Saulo Tadeu

    Boa!

  • Gabriel Quessada

    Um mundo perfeito onde o iMessage é o preferido do povo… é pra lá que eu vou.

  • Lofin

    Apenas uma correção em relação ao item 2:

    Vídeos não serão reproduzidos automaticamente, mas sim reproduzidos imediatamente após você clicar para baixá-lo. Irá funcionar, mais ou menos, como um streaming.

  • Leandro Nascimento

    E a extensão pro Apple Watch até hoje, nada…

  • Leandro Nascimento

    Item 2 foi o melhor hahahahaahahaahaa

  • Marcos Tulio

    Só não consegui fazer essa novidade do recorte com o 3D Touch 🙁

  • meduza

    Muito confuso, preguiça… ZZZzzzZZzzzzz

  • Me leva gato!

  • Jhon

    Aguardando rich notifications também.

  • Jhon

    Ainda prefiro o WhatsApp, acho que é um app mais maduro.

  • Jhon

    Isso acontece quando o teclado está escondido, pois o botão fica muito na ponta. Eu já testei e acontece no meu celular que não tem película, então é realmente uma falha na interface. Mas enquanto não solucionam isso, é só abrir o teclado que o problema não acontece.

  • Jhon

    Eu achei meio inútil, não vejo quando isso pode ser útil kkkk

  • Jef

    A parte de reprodução de vídeo é “reproduzir imediatamente” e não automaticamente. Os vídeos não irão tocar sozinhos, mas serão reproduzidos assim que você desejar abri-los, sem esperar aquele tempo de baixar para depois começar a reproduzir 😉

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeitosas e construtivas. O espaço acima é destinado a discussões, debates sobre o tema e críticas de ideias, não às pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão tolerados de maneira nenhuma e nos damos ao direito de ocultar/excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, preconceituoso, calunioso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem nome completo e/ou email válido). Em caso de insistência, o usuário poderá ser banido.