Analista afirma que o Apple Watch poderá bater o melhor trimestre de vendas do iPod já em 2018


Caneta Para notificar nossos editores de um erro no post, selecione o texto e pressione Ctrl + Enter.
Por
13/11/2017 às 11:46

Não precisamos nem olhar os resultados financeiros da Apple para saber que o campeão de vendas dela é o iPhone. Antes de ele chegar, entretanto, havia um rei que colocava a Maçã no topo: o iPod.

É claro que, hoje, nenhum produto se compara às vendas do iPhone, mas é inegável que o iPod chegou a ótimas marcas de vendas em seu tempo.

Para quem tenta comparar o relógio da Maçã com o smartphone da empresa para afirmar que ele não fez sucesso, talvez repense ao ver esta análise do Asymco.

De acordo com o analista Horace Dediu, logo as vendas do Apple Watch em um trimestre vão ultrapassar a maior marca que o iPod já teve.

Apple Watch iPod

Olhando para o gráfico acima, podemos comparar na linha do tempo a venda dos dois produtos. No quatro trimestre de 2010, os fones da Beats ajudaram a alavancar as vendas, ainda que não tenha sido possível avaliar quanto especificamente. Já na parte que trata do Watch, é possível ver um crescimento interessante.

Ainda assim, é preciso lembrar que a Apple não divulga oficialmente os números do Watch em seus resultados financeiros, deixando-o no grupo de “outros produtos” (que não os Macs, iPads e iPhones), o qual também inclui a Apple TV, os AirPods, entre outros. O método utilizado é: uma vez que é possível estimar o número de venda dos produtos “exceto o Apple Watch”, os números restantes representam o relógio. Então, os números são “confirmados” com base em quanto de crescimento a empresa divulga — nos últimos três trimestres, por exemplo, houve aumento de mais de 40%.

O Apple Watch Series 3 e a sua habilidade de se conectar por 4G/LTE pode ser aquele que vai alavancar ainda mais as vendas do relógio. Dediu afirmou que seus números poderão ultrapassar o trimestre de maior lucro do iPod, que foi de US$4 bilhões nos últimos três meses de 2007. A previsão é que isso aconteça já no quarto trimestre de 2018.

Do ponto de vista da receita, acredito que o quarto trimestre do próximo ano será quando o relógio gerará maiores receitas do que o trimestre mais alto para o iPod.

Em termos de vendas unitárias anuais, pode levar mais tempo. O maior ano para as unidades de iPod foi em 2008, quando cerca de 55 milhões de iPods foram vendidos. O relógio agora está sendo usado por cerca de 16 milhões de pessoas. Se pudesse sustentar um crescimento de 30%, demoraria até 2022. Com o crescimento de 40% significaria 2021 e 50%, só em 2020.

Dediu ainda afirmou que esse crescimento poderá fazer com que o Watch consiga se tornar o terceiro ou até o segundo produto mais popular da Apple.

Mesmo que isso não chegue a acontecer tão cedo, superar o iPod — que um dia já foi “sinônimo da própria Apple”, ele diz — é realmente uma conquista e tanto. E tem gente ainda achando que o Apple Watch “não vingou”…

via Daring Fireball

Posts relacionados
Comentários
  • Alguém sabe dizer se existe como personalizar aquelas mensagens do WhatsApp (sem precisar usar o microfone) ?

  • Ajustes

    Em todo lugar que eu vou, vejo pessoas usando o Apple Watch. E isso no Brasil, imagina fora… É bem nítido que se trata de um produto de sucesso.

  • Hades666

    Esperança é a ultima que morre, acho forte substituir iPod em vendas….segmentos/apelos totalmente diferentes.

  • Marco Túlio da S Lima

    Era o que eu ia dizer. É de longe o smartwatch mais vendido.

  • Ivan Moura

    sinto muuuuita falta disso!!!


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: