O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

HDs fazem aniversário: são 50 anos

HDO primeiro computador com uma nova tecnologia de armazenamento conhecida como RAMAC (Random Access Method of Accounting and Control — algo como Método de Acesso Randômico de Controle e Contagem) foi lançado oficialmente pela IBM há 50 anos, em 13 de setembro de 1956. Ele pesava 1 tonelada, possuía 50 placas rotatórias com 24 polegadas de diâmetro cada e tinha capacidade para incríveis 5MB.

Publicidade

O portal CNET News.com é quem nos traz detalhes sobre a história dos discos-rígidos, que começaram bem diferente do que conhecemos hoje.

Destaco alguns pontos interessantes do artigo:

  • A foto ao lado mostra uma parte do RAMAC, que podia armazenar menos de 2 músicas compradas na iTunes Music Store, hoje em dia.
  • Foram 23 anos, desde a aparição do RAMAC, para que a IBM desenvolvesse o primeiro disco-rígido de 8 polegadas. Um ano depois, em 1980, surgem os drives “Winchester”, de 5.25 polegadas. Eles marcaram época e muita gente até hoje se refere à HDs como winchesters.
  • Em 1991 (pasmem!), a Integrated Peripherals lança seu drive de 1.8 polegada. Eles só passam a ser utilizados em grande escala 10 anos depois, com o lançamento do primeiro iPod, pela Apple. A Apple também foi responsável pela rápida adoção dos drives de 1 polegada, com o lançamento dos já descontinuados iPods mini.
  • Em 2004, a Toshiba encolhe os drives para 0.85 polegada. Com a ascenção no uso de memórias flash, muitos acreditam que esta será a menor forma de discos-rígidos produzida em larga escala para a indústria.
  • Hoje encontramos drives de até 750GB de capacidade, ou 150 mil vezes o que o RAMAC suportava, há 50 anos. A diferença é que eles só pesam algumas gramas e têm 3.5 polegadas de diâmetro. Drives com 1TB de capacidade deverão ser lançados até o final deste ano, no máximo no começo de 2007.
  • Entre 1992 e 2003, cerca de 1,5 bilhão de discos-rígidos foram vendidos, que juntos armazenam 41.400 exabytes; um exabyte é o equivalente a um bilhão de gigabytes.
  • Para este ano, a estimativa é que 450 milhões de HDs serão vendidos.

São por essas e outras que a tecnologia me fascina. Aqui no meu quarto, hoje em dia, eu tenho um iMac com um HD interno de 250GB, um HD externo FireWire da Western Digital de 60GB que já tem cerca de 5 anos de vida (na época que comprei, 60GB era um exagero), um HD de 40GB do meu iPod photo mortinho da Silva e mais um pendrive que ganhei num sorteio, de 128MB (sim, é pouquinho, mas é o que eu tenho, me serve pra bastante coisa).

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

BlogMusiK oferece músicas de graça

Próximo Artigo

Haja SPAM

Posts Relacionados