O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Entenda a funcionalidade do campo ‘Grouping’ no iTunes

Respondendo à última dúvida do nosso leitor Joel Orbitt (saiba também sobre o Party Shuffle, o campo Album Artist e o que é BPM) sobre o iTunes, apresento-lhes um campo da janela “Get Info” de músicas que pode e provavelmente é ignorado por muitos de nós: Grouping. Este, de acordo com minhas pesquisas, é ignorado por um motivo bem simples: sua utilidade original é bem específica, pouco útil para a maioria dos usuários.

Publicidade

Grouping foi introduzido ao iTunes em sua versão 4.2 (aqui para Windows e aqui para Mac — para os saudosistas) e é uma tag que possibilita, como de praxe, melhor categorização e organização de sua biblioteca de músicas. Seu principal uso é o de movimentos em músicas clássicas, mas ele pode ser usado também para a criação de sub-estilos musicais, além dos que você define como padrão no campo específico dedicado à esta tarefa.

Grouping no iTunes

O que muitos usuários descobriram é que o campo pode ser usado para suprir a falta de um para tags variadas, como costumamos cadastrar nossos bookmarks usando o del.icio.us, por exemplo. Através dele é possível setar palavras-chave em determinadas músicais como “agitada”, “pesada” ou “instrumental” e então criar playlists inteligentes e então, quando quiser, só ouvir determinados estilos musicais que tenham determinadas keywords (uma ou mais) em comum.

Publicidade

Outra possibilidade do campo é a de identificar os artistas de determinadas bandas que estariam tocando naquela faixa específica, por exemplo: “John Coltrane, Jimmy Garrison, Elvin Jones, McCoy Tyner”.

Usem a criatividade e abusem das possibilidades porque, apesar de meio “apagado”, este campo pode ser bastante útil para muitos de vocês. O ideal, é claro, é ir sempre categorizando e organizando suas músicas a medida que adiciona-as à sua biblioteca. Se você for como eu, e já tem muitas músicas adicionadas, certamente que sair editando cada uma delas agora não será uma tarefa muito agradável.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

PicLens: navegando por fotos em tela-cheia no Safari

Próximo Artigo

Um logo da Apple pixelizado em caixas

Posts Relacionados