O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Como é o Leopard falando português?

Uma das grandes vantagens do Mac OS X é que, desde suas primeiras versões, é possível mudar seu idioma para o que mais convenha, ao contrário de outros que ainda não aprenderam como falar várias línguas. Para ver como é o Leopard em “Português (Brasil)” – é assim a nova descrição do nosso idioma -, apresentarei algumas fotos de tela, ou screen-shots para os íntimos.

Publicidade

Desktop

Ainda me lembro da época em que, ao selecionar o ícone do Finder no Dock, aparecia o dizer “Não janelas” quando não havia nada aberto. Creio que isso foi na versão Jaguar. Tradução ao pé da letra é algo engraçado algumas vezes, mas agora o menu de opções está bem traduzido, e com mais itens:

Menu do Finder

O ícone do Time Machine no Dock, que tem ao seu lado direito o novo ícone de Preferências do Sistema, permite, além da configuração da nova ferramenta, realizar cópias de segurança através da opção correspondente:

Time Machine

Esse é o painel de configuração do Time Machine. Em espanhol, a explicação vem em marcadores, não em um único parágrafo:

Opções do Time Machine

Menu na mesaNão sabia que o fundo de uma mesa se mudava, mas já que o Leopard funciona sobre uma mesa muito moderna… Na opção “Mais”, é possível trabalhar com ações de pasta, Automator, ou enviar um item por Bluetooth.

Ao configurar o Fundo da Mesa – que nome mais estranho -, essa é a janela de preferências e opções, que também contém a configuração do Protetor de Tela, como era antes:

Fundo de Mesa e Protetor de Tela

Prefiro sem separaçãoAinda nas Preferências do Sistema, é possível ver que outros itens ganharam nova interface, como é o caso da opção Compartilhamento.

Publicidade

Aliás, ninguém avisou aos tradutores que “Compartilhar” tem o mesmo número de caracteres de “Compartilha-“? Essa separação silábica é horrenda!

Compartilhamento

Cara nova também para as opções de rede, apesar de que ainda não sei se isso é melhor ou pior. Na verdade, eu sempre achei muito trabalhoso ter que ir naquele menu em forma de botão, cada vez que queria escolher algum dispositivo de rede.

Rede

O painel de contas de usuário tem agora uma aparência mais simples, já que as opções foram sendo distribuídas em botões pela janela. Agora o computador sempre tem uma conta “Convidado”, que parece estar desativada, como acontece em outros sistemas, por motivo de segurança. Não era melhor se o usuário criasse uma conta dessas apenas se fosse necessário?

Contas

A opção de Segurança agora está mais organizada. Antes era uma pantomima de FileVault com opções de senha-mestra e outras configurações; agora, cada macaco no seu galho, digo, cada opção em seu botão:

Segurança

ConfiguraçãoAo lado, a configuração da máquina que permitiu as “fotos” do OS X. Pode-se notar a versão 10.5 em destaque, em vez de uma possível designação 10.5.0, que ficaria bem estranha. Com um máximo de 16 espaços, a função de Spaces fica lenta nesse computador, se temos por exemplo 9 espaços e um programa aberto por cada um deles. Claro que isso depende de quê programas estão abertos, mas a função Spaces ocupa bastante RAM quando temos diversas “mesas”.

O Cover Flow fica realmente lindo dentro do nosso novo sistema operacional. Combinado com a Visualização Rápida (Quick Look ganhou tradução), vai realmente dar uns minutos mais a cada usuário de Mac. A qualidade dos ícones em alta resolução também é outra coisa que chama a atenção.

Cover Flow

Uma coisa que eu sempre quis nas janelas do Finder era um menu de opções que me deixasse organizar os ícones pelo critério que me desse na telha, sem ter que percorrer todos os vários centímetros até o menu principal, clicar em Visualizar, Ordenar… um monte de voltas que agora são rapidamente eliminadas através de um clique onde quer que eu tenha meu mouse.

Menu dentro de janela

A Atualização de Software ainda tem a mesma aparência, mas uma vez que aceitamos atualizar o que quer que falte atualizar, uma nova janela substitui a anterior:

Software Update

E essa última foto, tirei porque achei interessante o botão de “Agora Não”. Sinceramente não sei se já era assim a opção no Tiger em português, mas como é uma janela simpática, deixo vocês por agora com a opção de reiniciar ou não o sistema.

Reiniciar

Boa semana a todos!

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Aperture e Time Machine não se dão

Próximo Artigo

Corrigindo o "problema" de transparência da nova barra de menus do Leopard

Posts Relacionados