O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Duas dicas de um usuário de Firefox que está se aventurando (mais uma vez) no Safari

Depois de ler o post do Maciej Stachowiak no Surfin’ Safari sobre as últimas novidades do WebKit 3, resolvi mais uma vez testar o Safari e ver se ele já faz valer a pena abrir mão das trocentas extensões e alta compatibilidade do Firefox.

Publicidade

O objetivo deste post não é falar sobre a minha experiência — até porque fazem apenas algumas horas que estou de novo, navegando pelo browser da Apple —, e sim dar duas dicas de um acostumado usuário de Firefox que está tendo que adaptar hábitos diários a um software diferente.

A primeira coisa que não gostei do Safari foi que ele não oferece nenhuma opção nas suas preferências de, ao ser aberto, carregar automaticamente as abas carregadas desde que foi fechado. Porém, o que muitos não sabem é que existe uma opção no menu History que faz exatamente isso: “Reopen All Windows From Last Session”. Apesar de serem dois cliques a mais do que estava acostumado, pelo menos a funcionalidade existe.

Publicidade

Reopen All Windows From Last Session

Mais legal é ter descoberto depois o SafariStand que, entre trocentas outras coisas, oferece a opção de abrir as abas automaticamente quando o navegador é aberto.

A segunda coisa que me chateou foi a funcionalidade “Open in Tabs” dos Bookmarks do Safari. Tenho alguns grupos de sites que costumo abrir diariamente de uma vez só, para checar notícias, fotos de amigos, atualizações de softwares, comentários no BLOG etc. Porém, é raríssimo que isso aconteça quando eu não estou com nenhuma outra aba aberta no navegador. Por isso, gosto que todos esses grupos de sites abram em novas abas além das já carregadas no momento.

Publicidade

O Safari não permite fazer isso. Quando selecionada, a opção “Open in Tabs” substitui todas as abas abertas (sejam quantas forem) pelas novas abertas. Testei as mais diversas combinações de teclas e nenhuma permitiu que eu mudasse o comportamento. Estranho é que, ao selecionar qualquer site dos Bookmarks manualmente, basta pressionar Command para que ele seja aberto em nova aba. A funcionalidade devia ser a mesma, neste caso.

Merge All Windows

Minha solução foi utilizar de um outro recurso do Safari, presente no menu Window: “Merge All Windows”. Agora, eu sempre abro uma nova janela antes de usar o comando “Open in Tabs”, de forma que as abas atuais fiquem intactas na outra janela. Aí, basta executar este comando de menu para que ambas as janelas sejam “mescladas” sem que nenhuma aba seja substituída.

E vocês, têm mais dicas para compartilhar com todos?

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
"Love", dos Beatles

Beatles online só em 2008

Próximo Artigo

David Carson no Brasil, a lenda

Posts Relacionados