O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Algumas dicas ao duplicar arquivos no Finder do Leopard e atalho para slideshow do Quick Look

Não sei se é de conhecimento geral, mas o Finder possui um comando específico para duplicar arquivos — ao invés de copiar o arquivo e colá-lo no mesmo lugar. Clicando com o botão direito do mouse (ou com Ctrl) é possível ter acesso ao comando:

Publicidade

Duplicando arquivo no Finder

A primeira dica é bem simples e também deve ser conhecida por muitos. O mesmo comando pode ser realizado via a combinação de teclas Command + D:

Arquivo duplicado no Finder

Publicidade

Ok, agora às novidades.

Pela imagem acima vocês podem ver que, ao duplicar arquivos, o Finder automaticamente nomeia a duplicada com o sufixo “copy” no nome.

Porém, em casos como o exemplo utilizado, em que o arquivo original contém um número no final, uma outra forma de duplicar arquivos pode ser bastante útil.

Publicidade

Para isso, clique no arquivo, arraste-o para uma área em branco na mesma janela do Finder e pressione a tecla Option. O cursor do mouse irá mudar, indicando que você criará uma duplicada:

Duplicando com Option

Publicidade

Desta vez, porém, o arquivo não é nomeado com o sufixo “copy”, e sim com a continuação numérica. Desta maneira, a primeira duplicada de Picture 1.png seria nomeada Picture 2.png, a terceira Picture 3.png e assim sucessivamente.

Na brincadeira de testar a dica, descobri uma outra coisa no novo Finder do Mac OS X 10.5 Leopard. Notem que, ao lado do botão de engrenagem (Action), agora temos um botão de acesso ao Quick Look — que, convenhamos, é mais fácil de ser usado via a tecla Espaço.

Porém, segurando Option o botão do Quick Look é alterado para o modo Slideshow. Selecione algumas imagens e faça o teste!

Quick Look/Slideshow

[Meus agradecimentos ao Marcio Nigro e ao Orlando Colacioppo.]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Eles me iFo... de novo!

Próximo Artigo

iTunes desbloqueia iPhone na Alemanha em segundos

Posts Relacionados