A história secreta do iPhone

We don’t have a product yet. Essas foram as únicas palavras de Steve Jobs para cerca de doze engenheiros da Apple durante uma apresentação de um protótipo do iPhone na primavera de 2006.

Publicidade

Apresentação do iPhone na Macworld

A revista Wired publicou um artigo que conta a história secreta sobre o desenvolvimento e lançamento do iPhone. Nele, a Wired conta que a primeira idéia sobre o iPhone surgiu lá em 2002 — pouco depois do iPod — quando Steve Jobs percebeu que a convergência de celulares com music players forçaria a Apple a entrar para o mercado da telefonia celular.

O artigo conta várias histórias sobre o desenvolvimento do iPhone. Desde sua primeira idealização por Jobs, passando por uma tentativa fracassada em conjunto com a Motorola e com a Cingular no desenvolvimento do ROKR — que Jobs chamou de iPod shuffle em seu telefone — a até a luta dos desenvolvedores para entregar o produto pronto para ser mostrado na Macworld.

Publicidade

Após o fracasso com a Motorola, Jobs percebeu que a própria Apple deveria desenvolver seu celular e entrou em negociações diretas com a Cingular — excluindo de vez a Motorola. Em suas reuniões secretas em quartos de hotéis com os chefões da Cingular, Jobs passou três mensagens importantes:

  • Apple had the technology to build something truly revolutionary, “light-years ahead of anything else.”
  • Apple was prepared to consider an exclusive arrangement to get that deal done.
  • But Apple was also prepared to buy wireless minutes wholesale and become a de facto carrier itself.

Jobs informou ainda que a Apple estaria pronta para desenvolver algo nunca antes visto antes pois seus engenheiros tinham passado quase um ano trabalhando em tecnologias touchscreen para um possível tablet e que eles poderiam adaptar a tecnologia para um aparelho celular.

Publicidade

A equipe de desenvolvimento trabalhou em dois times separados. Enquanto o pessoal do hardware trabalhava com circuitos usando softwares falsos, os engenheiros de software trabalharam em placas de circuito em caixas de madeira. Em Janeiro de 2007, quando Jobs anunciou o iPhone na Macworld, apenas umas 30 pessoas tinham visto o aparelho completo.

Aconselho a todos que tiverem um tempinho sobrando para que leiam todo o artigo da Wired. Vale a pena ver todos os detalhes desse processo que custou cerca de US$150 milhões para a Apple. 😉

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…