Little Snitch: privacidade e controle de conexões no Mac OS X

Ícone do Little SnitchQuem tem acompanhado as vídeo-aulas do MacMagazine deve ter percebido, em algumas ocasiões, de eu ter comentado do Little Snitch, um software que me permite controlar as conexões realizadas pelo Mac OS X. Como muitos leitores ficaram curiosos sobre o funcionamento do programa, resolvi escrever este post, para clarear as coisas.

Publicidade

O objetivo do Little Snitch é, basicamente, controlar a privacidade dos usuários no sistema. Sabemos que o Mac OS X possui um firewall embutido que pode ser utilizado para controlar todo e qualquer tipo de conexão que entra na máquina do usuário. Mas e o processo inverso? É aí que entra esse pequeno utilitário.

O funcionamento do aplicativo é simples e direto: sempre que qualquer aplicativo precisar ou requisitar uma conexão com a internet ou seja lá o que for, uma janela é aberta para o usuário alertando-o disso:

Publicidade

Alerta do Little Snitch

A partir daí, você pode decidir se quer permitir ou não a conexão: uma vez apenas, até o programa ser fechado, ou para sempre. Dentro disso, ainda escolhe se quer permitir ou negar qualquer tipo de conexão naquele programa, apenas na mesma porta, apenas no mesmo IP/domínio ou apenas na mesma porta e no mesmo IP/domínio.

Uma coisa bem legal do Little Snitch é que ele adiciona um ítem na barra de menus do Mac OS X que mostra, através de um gráfico de duas barras, a intensidade de tráfego da sua conexão — na esquerda, verde, você vê o que está entrando (download) e, na direita, vermelho, o que está saindo (upload). Se deixar o mouse em cima, você ainda vê um detalhamento de todas as conexões que estão sendo realizadas pelo seu Mac:

Monitor de conexões do Little Snitch

Monitor de conexões do Little Snitch

O Little Snitch custa US$25, mas vale muito a pena.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…