O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Usando dois displays em um Mac

Ao comprar um MacBook, muitos se preocupam com o tamanho da tela. Apesar dos benefícios da portabilidade e a grande ajuda que o Spaces proporciona na organização das janelas e aplicativos, em alguns casos 13 polegadas pode não ser suficiente, ou pelo menos um display maior facilitaria a atividade do usuário.

Publicidade

Uma maneira de aumentar a área de trabalho em um Mac é conectando-o a um outro monitor através da saída miniDVI. Monitores geralmente têm duas saídas: a de vídeo VGA e a digital DVI (os mais antigos ou modelos mais simples só possuem a primeira), sendo necessário um adaptador miniDVI-VGA ou miniDVI-DVI para conectá-lo ao cabo do monitor.

Dual Displays

MacBook ligado a um monitor de 19 polegadas

Essa ligação é muito simples… Basta conectar o monitor através do adaptador e as telas já se duplicam. Depois disso, há duas maneiras de usar o recurso: espelhar os displays, ou seja, o mesmo desktop é exibido em ambos; ou somar os displays, ganhando uma nova área de trabalho.

Publicidade

Para configurar isso:

  1. Abra o System Preferences.
  2. Vá em Displays.
  3. Na aba Arrangement, marque ou desmarque a opção Mirros Displays.
  4. A tecla F7 também funciona para alternar entre essas opções.
System Preferences

Arrastando o Dock e a barra de menus para um segundo display

Nessa mesma aba, com a opção mirror desabilitada, você pode arrastar o segundo display para posicionar ambos da melhor maneira, assim como arrastar o Dock e a barra de menus (representado por uma faixa cinza) para um ou outro.

Nota: há ainda outros tipos de adaptador, como o Video Adapter, para conectar a uma TV, e também o microDVI para MacBook Air.

Publicidade

Mirror Displays

A opção mirror tem suas desvantagens, já que a mesma resolução é aplicada aos dois displays, podendo haver distorção em uma das telas.

Outra dificuldade é usar essa opção com o MacBook fechado. Para isso, depois de fechado, é preciso conectar algum equipamento USB, como mouse ou teclado, para “despertar” o Mac OS X e a imagem re-aparecer no segundo display. Ainda assim, há alguns problemas com essa técnica… O fato de o display do MacBook esquentar muito estando fechado, ou mesmo a necessidade de teclado e mouse externos.

Dois Displays

Nessa opção, os Spaces são duplicados, ou seja, cada Space ganha dois displays. Uma curiosidade é que, ao tirar uma screen-shot (Command + Shift + 3), duas imagens são geradas no Desktop, uma de cada display.

Spaces com dois displays

Visualizando os Spaces com dois displays

Para abrir o Front Row no segundo display, basta mover o Dock para o mesmo (System Preferences » Arrangement) ou via Terminal pela dica do Mac OS X Hints. Para alguns programas, como o DVD Player e o VLC, basta mover a janela do vídeo para o outro display e ativar a tela-cheia. Já no caso do QuickTime, é preciso ir até as preferências e, na aba Full Screen, escolher a tela de exibição. O mesmo acontece nas apresentações do Keynote, com a opção de exibir a apresentação em um display secundário nas preferências.

That’s it… 😉

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

iPod touch com disco-rígido?

Próximo Artigo

Bush e seu iPod: pirateando os Beatles, senhor presidente?

Posts Relacionados