O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Queda de preços ajuda Nokia a vender 122 milhões de telefones celulares

A Nokia anunciou hoje seus resultados para o 2º trimestre fiscal de 2008, com um crescimento de 4% em vendas num faturamento total de US$20,9 bilhões — sustentado pelo seu estável negócio de telefonia celular.

Publicidade

No período de três meses, foram vendidos 122 milhões de telefones (sim, a Apple ainda tem muito caminho a percorrer), um disparo de 21% quando comparado com o mesmo trimestre de 2007. A estimativa é de uma fatia de mercado de 40%, com base numa previsão de que 303 milhões de telefones celulares foram vendidos mundialmente no período.

Loja da Nokia

Bastante otimista sobre resultados ainda melhores daqui para o final do ano, a Nokia foca-se bastante no trabalho de união de seus aparelhos com serviços diversos. Vendas mundiais de telefones devem crescer 10% ainda em 2008, para um total de 1,25 bilhão de aparelhos.

Publicidade

O preço médio de venda de um telefone Nokia, porém, registrou queda de US$125 para US$117. Parte disso é justificado por conversões monetárias, mas o resto deve-se a uma nova tendência do mercado ir atrás de aparelhos mais baratos. Isso tem gerado muitas preocupações nos investidores perante o mercado de smartphones da Nokia, que representa uma fatia desproporcionalmente grande com relação aos ganhos da fabricante.

De qualquer maneira, os números mostram que a Nokia se sustenta muito bem, mesmo com a pressão de rivais bastante fortes. A expectativa é de que a Sony Ericsson anuncie um trimestre em break-even, enquanto a Motorola deverá cair para 5º lugar em vendas, sem ter conseguido criar uma nova linha de telefones para o mercado high-end. As maiores perdas são atribuídas aos concorrentes coreanos LG e Samsung e a entrantes no mercado de smartphones, como Apple e Research in Motion (RIM).

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Pownce ganha aplicativo para iPhones/iPods touch

Próximo Artigo
Logo do Gears

Gmail e Google Calendar em breve suportarão modo offline via Gears

Posts Relacionados