O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

SDK do Android chega à versão 0.9

O Google liberou esta semana um novo SDK para a sua plataforma móvel Android, que saltou da versão m5 para a 0.9. Além disso, foram feitas mudanças no roadmap da plataforma e, agora, a versão final do sistema é aguardada para o final de setembro, juntamente com um novo kit de desenvolvimento.

Publicidade

As mudanças de um SDK para o outro foram bem grandes. Uma enorme lista de bugs foram corrigidos, seguida de uma grande melhoria no uso das suas APIs, que deverão incrementar significativamente a usabilidade na execução de aplicativos e em testes com o simulador.

Falando no simulador, ele foi o mais modificado nesta nova versão: ganhou um toque visual semelhante ao do iPhone, com suporte a múltiplas home screens e um dock de aplicativos acessível pelo rodapé da tela. Todos eles podem ficar nesse local ou arrastados para qualquer uma das três home screens, que trazem ainda um relógio analógico (bem feio) e o widget de buscas do Google (que eu achei grande demais e muito inútil).

O browser do Android se saiu muito bem carregando páginas completas e Web apps para celulares. Aparentemente, o procedimento para desenvolver esse tipo de conteúdo não deve ser tão diferente do iPhone, já que em ambos os navegadores existe o suporte total a padrões da web.

No entanto, alguns sites que visitei via o simulador não foram redirecionados para as Web apps. No caso do Facebook, tive de inserir o endereço manualmente para a página do iPhone, algo que os desenvolvedores web deverão corrigir com a chegada de novos smartphones baseados no Android.

Neste SDK, o pessoal do Google reescreveu o Maps. Agora, além de suportar todos os recursos do Google Maps como no iPhone, existe ainda a possibilidade de utilizá-lo no modo Street View, que se saiu muito bem. Além disso, se o celular em que ele estiver instalado possuir acelerômetro, pode ser usado como “bússola”. Assim, a vista de rua é orientada pela posição do usuário e como ele se movimenta.

O kit de desenvolvimento do Android está disponível gratuitamente no site do projeto. É bom lembrar que, com as constantes mudanças que o Google está fazendo entre uma versão e outra do sistema, os desenvolvedores terão que executar algumas alterações para tornar seus aplicativos compatíveis com este novo beta e com o futuro Android 1.0.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Vídeo-aula: dando saída de projetos do Final Cut Pro para o Compressor

Próximo Artigo

Air no ar

Posts Relacionados