O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Depois de nove anos, finalmente a Apple conquista patente do Dock do Mac OS X

Ícone do Desktop na barra lateral do Finder

Depois de quase uma década, a Apple finalmente conseguiu patentear o Dock, recurso mais presente na vida dos usuários do Mac OS X.

Publicidade

O documento de nº 7.434.177 garante à Maçã o registro do Dock e de todos os seus recursos, como a magnificação (ampliação dos ícones presentes nele ao passar o mouse). Além disso, lista Steve Jobs como um dos três inventores.

Desde do primeiro beta do Mac OS X — revelado ao público em 2000 — até o lançamento do Mac OS X 10.5 Leopard — em outubro de 2007 —, o Dock passou por diversas mudanças, sendo que a mais radical para muitos foi na última versão do sistema. Como você provavelmente não deve saber como ele era padrão nas outras versões, a galeria abaixo pode lhe dar uma idéia:

Mac OS X exibido na Macworld Expo 2000
Mac OS X exibido na Macworld Expo 2000
Mac OS X Public Beta
Mac OS X Public Beta
Mac OS X 10.0 Cheetah
Mac OS X 10.0 Cheetah
Mac OS X 10.1 Puma
Mac OS X 10.1 Puma
Mac OS X 10.2 Jaguar
Mac OS X 10.2 Jaguar
Mac OS X 10.3 Panther
Mac OS X 10.3 Panther
Mac OS X 10.4 Tiger
Mac OS X 10.4 Tiger
Mac OS X 10.5 Leopard
Mac OS X 10.5 Leopard

Vale lembrar que a conquista da patente não dá à Apple plenos poderes sobre os princípios por trás da implantação desse tipo de ferramenta, apenas garante direitos sobre o Dock no aspecto que for implantado por ela. Além disso, o futuro de aplicativos que concedem uma ferramenta semelhante ao Dock em outros SOs (como o ObjectDock, para Windows) ainda é incerto.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Mais uma foto "espiã" do novo MacBook Pro com case "Brick"?

Próximo Artigo

Apple lança projeto "Field Trip to Apple Store", para estudantes

Posts Relacionados