O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Novos comerciais da Microsoft contam com a participação de consumidores

Você lembra que eu contei aqui que a Microsoft estava aceitando vídeos de consumidores “PCs” comuns no site de sua campanha I’m a PC?

Publicidade

Pois bem: ela aproveitou esses vários vídeos e transformou alguns deles em dois comerciais novos para sua campanha. Confira:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=BnRe1snKj0Q[/youtube]

Segundo a Microsoft, foram mais de 17 mil fotos e vídeos enviados, até agora. O consumidor deveria dizer I’m a PC e contar o que gosta de fazer. Além de aparecer na televisão, os vídeos também serão exibidos em outdoors digitais espalhados por Times Square, em Nova York.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=iOKwfK4Ppmo[/youtube]

O mais interessante em relação a tudo isso é que a campanha da Apple continua batendo a da Microsoft: segundo pesquisas, os comerciais da gigante de Redmond foram vistos 1,7 milhão de vezes, enquanto as novas peças publicitárias da Apple foram vistas apenas 1,2 milhão de vezes. Os novos comerciais da Apple — que respondem diretamente aos da Microsoft — em um período de sete dias, tiveram apenas 70% do alcance dos vídeos da Microsoft no mesmo período.

Publicidade

Aí você me perguntaria “Mas o dados não falam o contrário?” Não exatamente. Os comerciais da Microsoft tiveram, sim, um alcance maior. Mas os da Apple possuem um recall muito superior, e, por fazerem parte de uma série, o resultado é impressionante. Adicione a isto, o fato de a campanha da Apple se tornar um viral imenso e gerar um buzz incrível: em relação aos da empresa de Steve Ballmer, os ads da Maçã receberam o dobro de inserções em sites. Mas isto não é novidade alguma. 😉

[Via: Brainstorm #9.]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Agora é oficial: AT&T libera Wi-Fi gratuitamente para usuários do iPhone nos Estados Unidos

Próximo Artigo

HP lança novos netbooks Mini 1000, edição especial Vivienne Tam e MIE Linux

Posts Relacionados