O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Novas câmeras EPIC e Scarlet da RED chegam a resoluções de 6K e 9K

Tal como previsto, a RED confirmou hoje a nova geração das suas câmeras EPIC e Scarlet, agora consideradas parte do seu sistema DSMC (Digital Stills and Motion Camera). Ambas servem como DSLRs de altíssima resolução e como câmeras de vídeo com qualidade “superior à HD.”

Publicidade

Os modelos utilizam o formato REDCODE RAW para gerar fotos e vídeos e introduzem um novo sistema modular único em sua categoria: o usuário escolhe entre a unidade básica EPIC ou Scarlet e depois monta o equipamento com base nas suas necessidades, incluindo telas, lentes oculares, empunhadeiras, suportes e lentes em geral. É possível criar até mesmo combinações multisensoriais para a gravação de vídeos 3D, de acordo com a empresa.

A fabricante também expandiu as opções de sensores para as duas sucessoras da RED ONE. A Scarlet começa em resolução 3K (3072×1620 pixels) com um sensor 2/3″ Mysterium-X que grava vídeos em até 120 quadros por segundo, chegando a até 6K (6000×4000 pixels) com um sensor 36x24mm Mysterium Monstro e vídeos de até 30 quadros por segundo. A EPIC vai além: começa em 5K (5120×2700 pixels) e 100 quadros por segundo com sensor 30x15mm Mysterium-X e chega — pela primeira vez na história — a até 9K (9334×7000 pixels) e 50 quadros por segundo, num sensor 56x42mm Monstro.

Os preços e datas de lançamento variam bastante: a Scarlet será disponibilizada primeiro (até o meio do ano que vem) em versão 5K/30fps com suporte para lentes RED, Canon e Nikon, a partir de US$7.000. A EPIC 5K (US$28.000) e um suporte Scarlet 3K mini-RED (US$2.500) virão logo depois. Uma versão 3K da Scarlet, mais básica, com lente óptica de 8x embutida, ainda não tem preço definido mas deverá chegar ao mercado no 2º semestre de 2009. Os modelos EPIC e Scarlet 6K sairão por US$35.000 e US$12.000, respectivamente, e estarão prontos para o final do ano que vem.

O modelo 9K da EPIC é um lançamento de longo-prazo e só deve estar disponível na primeira metade de 2010, com um preço estimado de US$45.000. Ele também deverá acompanhar uma versão premium de 28K (28000×9334 pixels) por volta da mesma época, por US$55.000 — apesar de que este modelo usará um suporte totalmente diferente para formatos muito grandes e fotografias ao nível de panoramas.

A RED alerta que tanto as especificações das câmeras quanto suas datas de lançamento poderão ser modificadas, de acordo com os progressos de desenvolvimento da companhia.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Paulistanos em breve terão à disposição internet via rede elétrica

Próximo Artigo

Dica do dia: repita caracteres acentuados facilmente no Mac OS X

Posts Relacionados