O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Microsoft reduziu requerimentos do selo “Vista Capable” para ajudar a Intel

Um caso, que rola na justiça norte-americana desde o início deste ano, recebeu nesta semana novas provas (PDF) que comprovam que a Intel forçou a Microsoft a reduzir os requerimentos de sistema do Windows Vista de forma que fosse beneficiada e pudesse incluir o selo “Vista Capable” em mais produtos.

Publicidade

De acordo com emails, os CEOs da Intel e da Microsoft — Paul Otellini e Steve Ballmer, respectivamente — teriam conversado (PDF) pouco antes do lançamento do sistema operacional de forma a incluir o chipset GMA 915, da Intel, no programa da gigante de Redmond. Ainda que soubesse que a performance de vídeo do hardware em questão fosse inadequada para a interface Aero Glass do Vista, Ballmer acatou o pedido de Otellini.

A decisão foi mal recebida por diversos executivos e empregados da Microsoft. Jim Allchin, até então chefe do grupo de plataformas e serviços da empresa, teria se mostrado “apoplético” e afirmado que a fabricante poderia induzir seus consumidores ao erro, fazendo-os achar que obteriam uma experiência completa com o Vista adquirindo máquinas com o logotipo vendidas ainda no final de 2006.

Publicidade

Algumas fabricantes de PCs também ficaram bastante desapontadas com a “novidade”: ambas Dell e HP declaram que sistemas com a GMA 915 não suportavam corretamente o software e que os requerimentos anteriores fizeram com que placas gráficas “desnecessárias” fossem implantadas em PCs para que se tornassem compatíveis com o Vista. A Sony, por sua vez, gostou da mudança, provavelmente porque diversos dos seus produtos “se tornaram” adequados ao SO.

“Devemos evitar confusão. Isso é errado para os nossos consumidores”, afirmou Allchin, na época. No final das contas, ele estava certo, portanto a briga nos tribunais continua.

[Via: CNET News.]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Pocket Jockey cavalga para dentro da iPhone App Store

Próximo Artigo

MacBook danificado volta a funcionar como um "Mac Pro Ultra Mini"

Posts Relacionados