O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Hulu poderá deixar o YouTube para trás no ano que vem

…em rendimentos, não em tráfego (óbvio). A rede televisiva virtual Hulu (controlada pela NBC Universal e pela News Corp.) deverá bater os ganhos com publicidade do gigante YouTube (controlado pelo Google) ainda em 2009 — praticamente um ano depois do seu lançamento.

Publicidade

Em termos de popularidade, não tem pra ninguém: só em setembro, o YouTube registrou 83 milhões de espectadores únicos, contra 6 milhões do Hulu (que não é nada mal). A questão é que o faturamento do Hulu está crescendo rapidamente, chegando a cerca de US$70 milhões em 2008, contra US$100 milhões do site controlado pela gigante de buscas.

No ano que vem, ambos deverão gerar US$180 milhões nos Estados Unidos — diz Arash Amel, analista da Screen Digest. Atualmente, metade dos rendimentos do YouTube vem dos EUA; o Hulu, por sua vez, ainda nem sequer iniciou sua expansão internacional.

Publicidade

As iniciativas do Google para “monetizar” o YouTube não são poucas, indo de anúncios do AdSense sobre vídeos a links que facilitam a compra de conteúdos na Amazon e na iTunes Store. Seu grande problema, todavia, é a qualidade do conteúdo criado por seus usuários, que não atrai campanhas publicitárias de larga escala.

O Hulu, que tem parcerias com grandes redes — como NBC, Sony, Fox e Viacom — e transmite seus programas nobres online, possui o inventário que grandes marcas procuram. O YouTube aos poucos adentra nessa área, com canais para conteúdos da CBS e vídeos da MGM, mas ainda há muito trabalho a ser feito. Teria o Google pagado demais (US$1,65 bilhão) pelo site, em 2006?

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Microsoft Office online será multi-plataforma

Próximo Artigo

O fim de uma bela amizade: Barack Obama se despede do seu BlackBerry

Posts Relacionados