O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Relógio digital Night Stand para iPhones/iPods touch chega rapidamente à lista dos gratuitos mais populares da App Store

Dêem as boas-vindas à Spoonjuice, mais nova desenvolvedora de aplicativos para iPhones/iPods touch, que já chegou arrebentando na App Store com o seu primeiro lançamento: o Night Stand, relógio digital gratuito para os gadgets móveis da Apple. Ele mal chegou à loja e já é o 2º gratuito mais baixado; e não é à toa.

Publicidade

O Night Stand mostra um lindo relógio digital no seu iPhone/iPod touch, eliminando a necessidade de você ter que comprar um de cabeceira quando alguém derrubar o atual no chão, da próxima vez. Ele só não substitui o seu despertador, mas eu colocaria um “ainda” aí — não duvido nada que a novidade pinte numa próxima versão. O que já está confirmado/prometido são novas peles (skins), incluindo um relógio “flip” (tipo esse aqui, que não é de graça) e um binário.

Os gráficos do app foram desenhados por Piotr Gajos, vencedor do Apple Design Award. Ele funciona tanto na vertical quanto na horizontal e permite que você opte por mostrar (ou não) o dia da semana e os segundos, além de, é claro, alternar entre um relógio de 12 ou de 24 horas.

O programinha ainda vem com três opções de cores — azul, verde e vermelha —, funciona normal e simultaneamente com músicas tocando no iPod e ainda pode desabilitar o bloqueio automático de tela do aparelho, se você quiser.

Simplesmente fantástico, eu diria. E grátis, o que é melhor. O Night Stand é compatível com iPhones e iPods touch com o firmware 2.1 ou superior e a minha única recomendação é que você conecte o seu aparelho à energia se for mesmo utilizá-lo na cabeceira da cama. Afinal de contas, ninguém faz milagre: o bichinho consome uma boa bateria, mantendo a tela permanentemente ligada.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple continua com o desperdício: despacha adaptadores Mini DisplayPort em caixa maior que a do MacBook

Próximo Artigo

Vivo veicula caderno especial sobre o iPhone 3G no jornal Cinform, de Aracaju (SE)

Posts Relacionados