O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Greenpeace está sendo injusta com a Apple, diz BusinessWeek

Conforme sua conhecida tradição radicalista, a Greenpeace pode estar mandando a Apple para baixo nas suas classificações tecnológicas injustamente, de acordo com a BusinessWeek. A reportagem mostra que a pontuação da empresa pouco se mexeu na última avaliação da organização, ainda que esta tenha lançado “a família de notebooks mais verde do mundo” e, recentemente, também tenha removido diversos componentes tóxicos de iPhones e iPods.

Publicidade

Concorrentes com linhas de produtos menos amigáveis ao meio ambiente (principalmente com relação aos requerimentos de eficiência ENERGY STAR 4 e embalagens mais compactas e econômicas) apareceram acima da Apple no ranking. A Dell é um ótimo exemplo, que só atende aos requerimentos ENERGY STAR em metade dos seus notebooks e em dois terços dos seus desktops. Além disso, o volume de vendas de uma empresa como a Dell é muito superior ao da Apple, provocando um estrago ambiental bastante superior.

O grupo ativista parece ser mais influenciado por discursos do que pela política de controle das companhias em si, algo em que a Dell se sai melhor. A Apple também utiliza medidas diferentes de pegada de carbono, algo que pode atingir negativamente os seus comparativos, ao contrário dos resultados práticos das iniciativas.

Apesar de ter demorado para adotar uma política ambiental completa, a Apple tem seguido à risca seus comprometimentos e planos de eliminar todos os brometos e cloretos de Macs até o final de 2008, enquanto a Dell nem sequer promete o mesmo para sua linha de produtos.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

É oficial: TIM assina contrato com a Apple e comercializará o iPhone 3G no Brasil em breve

Próximo Artigo

Multi-Touch G²: cópia descarada da Microsoft Surface oferece interatividade com o iPhone (iTable?)

Posts Relacionados