O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

De graça, até injeção na testa! XXII

Ícone do iTunesMais uma terça-feira, mais músicas gratuitas da iTunes Store para ajudar você em sua árdua tarefa de encher aquele HD externo de 1TB que ganhou no amigo-secreto da empresa!… O quê? Não te deram nem um pendrive de 512MB?! Não fique assim: quem precisa de 1TB, de qualquer forma? Seguindo o “espírito natalino” que tomou conta da iTS do universo conhecido, as gratuidades musicais estão aqui para te fazer esquecer de quaisquer vexames que tenha passado na confraternização de seu local de trabalho.

Publicidade

Mas isso não é motivo para a iTS continuar desse jeito até o Carnaval: quero as músicas normais de volta! :'(

Single of the Week

Stephen ColbertToda semana, encontramos uma faixa de um artista ou banda de que gostamos e a trazemos até você, gratuitamente, como nosso Single of the Week. Neste mês, você notará uma particular tendência natalina em nossas faixas gratuitas. O que podemos dizer? Estamos entrando no espírito. Perdoe-nos por sermos, bem, animadinhos demais com “It’s Another Christmas Song”, de Stephen Colbert — a iTunes Store é mencionada nela, afinal de contas. Em nossa defesa, os instrumentos de banda de jazz e a voz instantaneamente reconhecível de Colbert (que mesmo assim continua suave aos ouvidos) ajudam a estabelecer o clima bem humorado da letra aparentemente sem esforço. É uma faixa de abertura perfeita para a trilha sonora do igualmente perfeito A Colbert Christmas: The Greatest Gift of All!

Ouvida distraidamente, “Another Christmas Song” (link para a iTunes) pode passar como só mais uma cançãozinha de Natal insuportável que vai ficar ecoando na sua cabeça até alguma substituta apareça no ano seguinte. Porém, escondida na letra, temos uma infinidade de ironias hilariantes que se encaixam perfeitamente na realidade dos jingles de Natal que amamos odiar. Se você está pensando em “Hoje a festa é sua/Hoje a festa é nossa…”, acertou em cheio! Vamos e venhamos: essas peças musicais tocam por um mês inteiro, ad infinitum, dificilmente fazem qualquer referência ao Aniversariante da data e, no fim das contas, não passam de uma forma de embolsar uma graninha extra — à qual o Colbert faz uma referência sutil, sutilíssima. Ponto para ele, por ter trazido esta verdade inconveniente à tona; ponto para a iTS, por não nos obrigar a pagar por uma dose cavalar de músicas natalinas. Se bem que mó galera pagou US$1 por esta faixa… Duvidas? Dê uma sacada nos reviews da faixa, na iTS, e você verá que alguém fez bobagem ao não atualizar o preço, quando postou o Single of the Week. IMHO: 3/5 Qualidade sonora mediana, mas a letra é impossível e cheia de metalinguagem.

Discovery Download

Straight No ChaserNosso Discovery Download põe em foco um gênero diferente a cada semana, oferecendo gratuitamente uma faixa que julgamos merecer sua atenção. Estamos antecipando a aurora de um novo ano com este grupo de dez homens cantando a capella, Straight No Chaser. Um sucesso de Ano Novo perene, “Auld Lang Syne”, recebe um certo ar de soul com esta versão amena e cheia de inspiração R&B.

Surpresa! Uma música sem nenhum instrumento musical é a melhor do dia! Impossível? Não, definitivamente, não.  Canções a capella sempre tiveram um lugar especial na minha coleção — especialmente em alemão, com os Wise Guys —, o que torna “Auld Lang Syne” (link vocal para a iTunes) uma adição especial. O grupo faz um trabalho muito bom, de arrepiar mesmo, superando minhas expectativas. Experimente ouvir o preview de 30 segundos e sinta o ritmo da melodia. Visto que ela não sofre grande variações e que o gênero não é exatamente o favorito da galera, se você gostar, saberá que deve baixar esta canção. Em tempo: auld lang syne, até onde apurei, significa “velhos tempos”. É uma canção de saudosismo. 😉 IMHO: 4/5 Excelente coral, com um interessante toque de soul.

Canción de la Semana

DracoToda semana, encontramos uma faixa de um artista ou banda que esteja na crista do sucesso e a trazemos até você, gratuitamente, como nossa Canción de la Semana. Esta faixa do último álbum de Draco Rosa, Vino, é espessa de atmosfera. Violões flamengos e congas emergem de uma névoa ambiente ruidoso e efeitos sonoros tempestuosos. Quando Rosa traz os vocais para o primeiro plano, é mais um sussurro cavernoso que puxa o ouvinte para o poço de sua inspiração e mistérios. Uma trilha sonora relaxante para noites sombrias.

Esta deve ser a canção mais deprimente que eu já tive que comentar. E erótica. Deprimente e erótica, quase como jogar Silent Hill 2. Realmente, o grande mote de “Sueño Contigo” (link gemido para a iTunes), imagino, é tentar ser algo que entra (ui!) na sua cabeça e faz qualquer coisa suja lá dentro. Os versos são pesados, a atmosfera é realmente muito densa — dá pra sentir a névoa, quase como na cidade assombrada supracitada — e a mistura de sons, aparentemente aleatória, deixam no ar um quê de “morte”. Tanto quanto os sons claros e precisos de um casal passando pela… “pequena morte”, como diriam os franceses. É… talvez a tal “névoa” seja, na verdade, suor. IMHO: 2/5 Canção NSFW e, por isso mesmo, interessante.

Video of the Week

The VeronicasAs The Veronicas declaram que esta canção é sobre um “relacionamento a longa distância e ter que interagir usando as tecnologias de hoje, falar com alguém ao telefone, vê-lo num chat por vídeo etc., mas não ser capaz de tocá-lo fisicamente.” Foi lançado como o segundo single do álbum Hook Me Up na Austrália, em 10 de dezembro de 2007, tornando-se o segundo single delas a chegar à segunda posição no ARIA Singles Chart australiano.

[Adaptado do artigo sobre a música, na Wikipedia.]

Ok, vamos deixar uma coisa bem clara: se você não suporta Avril Lavigne (e eu vou entender perfeitamente, se você odiar), passe batido. Digo isso porque, apesar do que eu vou dizer adiante, este vídeo não passa de uma pequena egotrip de duas garotas malvadinhas que usam sombra demais ao redor dos olhos. Sacou? Tem duas Avrils neste clipe! Mas o que ele teria de bom? A melodia é muito boa, com uma introdução de celos que se misturam a uma batida eletrônica e, depois de montado o clima, vem a parte tosca: o vocal das meninas. Não que elas sejam ruins, mas é que este estilo de música é cansativo por natureza. Ponto para o seguinte fato: numa escala de um a dez no karaokê/DDR/PumpItUp!, “Untouched” (link em contato para a iTunes) é dificuldade nove. Sério, o jogo de palavras e o ritmo acelerado são fantásticos. E o visual? Ah, as meninas deixam claro que não estão aqui para servir de eye candy pra marmanjos, mesmo sendo beeem sexy, as duas. Pontos por fazer uma propaganda descarada da Channel. Aos cineastas amadores, existe uma promoção em andamento para quem fizer o melhor vídeo para esta música, na página oficial da dupla de cantoras pop (elas odeiam ser chamadas assim) desta banda de rock australiana que, apesar de tudo, faz um som legal. IMHO: 4/5 E só deixo dizer o contrário quem conseguir cantar esta música sem errar a letra. 😛

Bem, estamos a poucos dias do fim do ano e 2008 só terá mais uma seleção de músicas gratuitas, a qual, espero, deixe para lá essa onda de musiquinhas de Natal. Já deu pra fazer o estoque, acho que podemos continuar a viver normalmente… Se bem que eu reclamo de barriga cheia.

Publicidade

Ah! Um felicíssimo Natal pra você: tudo de bom e os melhores votos para que você e sua família tenham uma “Noite Feliz”! Até o último Injeção na Testa de 2008! 😀

Caso você ainda não seja cadastrado na iTS americana, recomendo a leitura deste post.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Analista afirma que o "espírito Jobs" já foi institucionalizado na Apple

Próximo Artigo

Mozilla lança segunda versão alpha do Firefox Mobile (aka Fennec)

Posts Relacionados