O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Estaria a Apple Austrália destruindo Macs que ainda funcionam?

Um trabalhador anônimo de um depósito em Sydney (Austrália) alega ter sido chamado para destruir cerca de US$200 mil em produtos da Apple, incluindo iMacs, MacBooks (+Pro), Macs Pro, Xserves, mouses e até uma cópia do Final Cut Studio. Aparentemente, os equipamentos não podiam ser reparados em seu presente estado, mas os funcionários ficaram surpresos ao constatar que boa parte deles ainda funcionava.

Publicidade

Macs em depósito para serem destruídos

Muitos deles nem precisavam estar ali: as telas de alguns Macs ainda funcionavam normalmente e as baterias dos MacBooks estavam em boas condições de uso. Emails impressos incluídos em alguns deles indicavam um acordo entre a Apple e alguns centros de serviço onde o cliente estava pleiteando uma troca em vez de um reparo.

O trabalhador do depósito disse que recebeu informações de um outro funcionário do local, alegando que as máquinas foram substituídas pois não era compensador levá-las para reparos na China. Já o pedido de destruí-las teria vindo de um representante comercial da Apple, o que foi negado pelo diretor comercial da Apple Austrália, Rob Small.

Publicidade

“A Apple não destrói nada em totais condições de funcionamento. Apenas destruímos o que não compensa ser reparado, ou o que não está apto a voltar para as mãos de um cliente sob nenhuma circunstância”. Em resumo, Small nega que os equipamentos tenham sido destruídos sem nenhum propósito em especial. “Tudo o que reciclamos é feito de forma responsável, por meio de empresas certificadas. Nada vai para aterro e nenhum produto de segunda mão é doado ou jogado fora”, disse.

Em uma carta sobre avanços ambientais feitos pela Apple quanto à sustentabilidade, Jobs disse que o volume de material reciclado pela Apple cresceu 57% durante o ano de 2007, chegando a 10.500 toneladas. Segundo ele, esse número continua crescendo e, em 95% dos países onde produtos da Apple são vendidos, a empresa oferece opções de devolução. Diante dos métodos utilizados pelo depósito australiano na destruição de Macs, ou o local não dispõe dos materiais e da infraestrutura para realizar o procedimento da forma correta, ou a política de reciclagem da Maçã está sendo totalmente ignorada.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Joy of Tech: fique bem logo, Steve!

Próximo Artigo

Gol Mobile lança mais um aplicativo na iPhone App Store: O GLOBO EM FOTOS

Posts Relacionados