O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Se segura, Wikipedia: vem aí a Britannica 2.0

Insatisfeito com a constante presença de links para a Wikipedia no resultado de certas buscas, Jorge Cauz — CEO da Britannica —, ataca o algoritmo do Google e promove mudanças no baluarte das enciclopédias, para competir com o projeto do Jimmy Wales.

Publicidade

22-britannica

A partir de agora, entre outras modificações, é permitido aos usuários editar, enriquecer e contribuir na versão online da enciclopédia. Contribuições significativas podem até figurar em futuras versões impressas.

Jorge Cauz declarou: “O que estamos tentando fazer é mudar […] para um formato que permita uma ação mais proativa do leitor, no qual ele aprende não somente lendo, mas também contribuindo com o artigo e, mais importante, criando o seu próprio conteúdo.”

Publicidade

Embora torná-la editável pelos leitores vá criar um maior interesse em torno do site, a nova iniciativa não irá abrir mão dos quase 4.500 especialistas que mantêm o conteúdo atualizado. A Britannica é extremamente usada no ambiente acadêmico, com acesso constante das principais universidades do mundo e não deseja perder esse status.

Jorge Cuaz atacou também a popularidade da concorrente no Google — a Britannica.com tem uma média de 1,5 milhão de visitas por dia contra 6 milhões da Wikipedia —, mas ignorou que a principal razão disso é a necessidade de uma conta para acessar o conteúdo.

Publicidade

Falando nisso, segundo um artigo publicado pela revista Nature — respeitada publicação científica —, as duas enciclopédias possuem material de relevância similar em seus sites. Porém, falta à Britannica.com a mesma agilidade da rival, que consegue aprovar 150 mil novos artigos diariamente.

Apesar de tudo, estas são mudanças significativas para quem tem 241 anos, não?!

[Via: Times Online.]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple admite que o adaptador Mini DisplayPort - Dual-Link DVI funciona apenas com seu Cinema Display de 30 polegadas

Próximo Artigo

Há 25 anos, a Apple veiculava o famoso comercial “1984” no lançamento do primeiro Macintosh

Posts Relacionados