O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Tava demorando… malware escondido em app do Google Android

Android Market

Android MarketUm aplicativo do Android que promete otimizar o uso da memória no celular G1 da HTC,  o MemoryUp Personal, está sendo apontado como o primeiro malware do Google phone: o uso do aplicativo tem causado a perda de todos os dados do celular, além de corromper a memória. De um momento para outro, sua lista de contatos vai embora e sua agenda também, só para começar… dor de cabeça pouca é bobagem!

Publicidade

O aplicativo, desenvolvido pela eMobiStudio e lançado com grande pompa no começo do mês como o primeiro programa para o sistema operacional do Google phone, agora desapareceu do Android Market — a “App Store do G1” — mesmo com as declarações do desenvolvedor Robert Lee, representante da empresa que produz o MemoryUp, que afirma não acreditar que ele seja o responsável pelo vírus: “Qualquer dano causado não foi feito pelo nosso produto.”

A eMobiStudio entrará em contato com todos os usuários que reclamaram do problema e tentará resolvê-lo diretamente com eles. Não ficou claro se foi o desenvolvedor ou o próprio Google que tirou o aplicativo do Market.

Publicidade

E, em cima de todo esse bafafá, levanta-se uma questão maior: o problema não estaria realmente na política de open source do Android? Será que realmente é válido deixar os desenvolvedores tão à vontade, sem nenhuma avaliação por parte da Google antes de o aplicativo ir para o usuário?

Aí, logo vem a situação oposta: a Apple, que é bem severa no controle da App Store — nenhum aplicativo chega à lodjinha sem antes passar por uma avaliação da própria Maçã — para seus iPhones e iPods touch. Será que agora podemos dizer que essa atitude é querer ser controladora demais? É um processo que faz os desenvolvedores esperarem por semanas — e pode até vetar a entrada de programas —, porém previne o usuário desse tipo de software malicioso.

Com certeza, depois desse primeiro incidente, o Google e sua equipe do Android terão que rever essa política aberta para os aplicativos. Algum controle há de ser implementado.

[Via: MacRumors.]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

MisoSoup para espaços realmente pequenos

Próximo Artigo

Podcaster volta à App Store com um novo nome

Posts Relacionados