O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Mozilla revela alguns de seus planos para o Firefox 3.2

Mozilla FirefoxMike Connor, chefe de arquitetura do Firefox na Mozilla, falou recentemente ao PC Pro sobre a futura versão 3.2 do Firefox — que muitos acham que poderá ser chamada de 4.0 oficialmente. De acordo com o engenheiro, a intenção da empresa é adicionar recursos “mais ambiciosos” ao navegador no futuro, sendo que ele faz questão de lembrar de alguns projetos do Mozilla Labs.

Publicidade

“Todas as coisas que queríamos fazer no início do projeto já foram concluídas”, disse Connor, que trabalha nele desde os seus primeiros dias. “E agora? Vamos torná-lo mais rápido? Essa não é um resposta boa para nós, estamos buscando inovações mais puras do que simplesmente torná-lo melhor”, disse.

Atualmente, os planos da Mozilla para o futuro são dois: primeiro, incluir o suporte à execução de comandos simples por meio de frases naturais. Segundo, integrar ao navegador a criação de aplicativos web para o desktop. Para cumprir esses dois objetivos, a companhia espera integrar ao Firefox 3.2 dois projetos do Mozilla Labs, atualmente sob o estado de extensões: o Ubiquity e o Prism.

Publicidade

No primeiro caso, o usuário precisaria digitar na barra de endereços apenas palavras simples, como map São Paulo ou share-on-delicious para abrir sites já em locais pré-determinados, enquanto no segundo o navegador seria capaz de salvar links para Web apps no próprio computador, sob a forma de atalhos de aplicativo — recurso introduzido no Safari 4 e oficialmente implementado no Google Chrome. Connor disse na entrevista que está de olho no nível de interesse dos usuários nesses dois recursos, destacando o sucesso do Ubiquity.

Internamente, mais algumas coisas irão mudar. Segundo Connor, a Mozilla promete trabalhar em um novo modo de gerenciamento interno de processos de diferentes sites abertos ao mesmo tempo, mas não com o mesmo objetivo do Chrome, que faz de todas as abas e janelas em execução processos diferentes e independentes. O engenheiro disse que isso traz um aumento desnecessário no uso de memória e fez projeções de que o modelo de processos compartilhados usado atualmente no Firefox pode evoluir muito, tornando-se ainda mais eficiente que a estratégia adotada pelo Google. Por fim, ele espera que a versão 3.2 seja a primeira a apresentar um novo modelo de “temas leves”, que teoricamente permitiriam a customização do navegador sem o uso de extensões, mas não é possível saber como isso realmente funcionará.

Connor não possui uma previsão de lançamento para o Firefox 3.2 — o que é compreensível, levando em conta que o Release Candidate da versão 3.1 nem deu as caras ainda. Porém, ele prevê uma nova versão do navegador para uma período incerto entre o final de 2009 e a primavera de 2010 e não quis afirmar com clareza se ela será a 4.0 ou 3.2.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Agregador e reprodutor de vídeos, projeto open source Miro chega à versão 2.0

Próximo Artigo

Já recebemos mais de 50 wallpapers para o nosso Concurso MMIX! Você já participou?

Posts Relacionados