O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Como estourar as vendas de iPods touch no meio da crise

Estamos passando por uma crise global, qualquer pessoa que assista a um dos vários programas jornalísticos de qualquer emissora já deve estar a par disso. Contrariando a torcida lógica das empresas que produzem computadores pessoais que usam primariamente o Windows, a Apple vem apresentando lucros e ainda não mandou ninguém pra casa. Será que dá pra melhorar ainda mais o que já está bom?

Publicidade

No meio da febre que é o iPhone, muitos olham para o irmão mais novo, o iPod touch, com um certo ar de desprezo. Minha posição a respeito dessa rivalidade fraterna já foi discutida aqui, então quero me valer de um artigo publicado recentemente na Computerworld para ratificar a minha aposta de tempos atrás.

Nova embalgem do iPod touch 2G

Nem só de iPhones viverá Cupertino. Não mesmo! O iPod touch pode fazer toda a diferença.

Todo mundo deseja um Mac tablet e tem quem queira que um netbook com maçã no verso tome o mercado de assalto. Eu digo que tudo isso já foi feito: temos um perfeito Mac-tablet-netbook no iPod touch, com versão própria do Mac OS X e tudo! Afinal de contas, dá pra checar emails, cuidar da sua agenda, acessar sites que não sejam um ó pra carregar usem Flash, ver vídeos no YouTube e uma infinidade de outras coisas: se você quer/precisa de algo, um app faz, até ligações por VoIP.

Bem, com US$200 já é possível comprar esta pequena maravilha tecnológica, mas será que não daria para abocanhar mais e mais do mercado com um preço menor? Pense comigo: estamos numa crise, por que um indivíduo médio iria querer um iPhone com uma conta mensal extrapolada, inflacionada e irracionalmente cara pelos próximos anos? Por que alguém ia querer um VAIO P, que não cabe no bolso (literal ou figurativamente)? Tudo bem que não há Wi-Fi em cada canto do mundo, mas pergunte-se: o que um Eee PC faz pra se conectar? Pois é, e nem por isso ele é desprezado.

Publicidade

Baixar o preço do iPod touch de 8GB poderia ser uma boa forma de fazer suas vendas — e acessos usando Mobile Safari — estourarem quaisquer expectativas, arrastando números da App Store junto, mas sabemos que a Apple está no jogo para lucrar. Pois eu digo que dá pra lucrar muito com um sisteminha de subsídio indolor que gostaria de discutir aqui.

Comes with music/apps/games/farts

iPhone 3G e iPod touch 2G
Um, vem com uma conta mensal. O outro, viria com US$50 em jogos, músicas, apps… de graça.

Quem tem um iPod quer enchê-lo de músicas. Sendo um touch, então, quer-se enchê-lo de músicas, vídeos e apps — quanto mais, melhor! Acontece que a Apple lucra ao vender tudo isso: iPod, música, vídeo, apps… Então seria uma boa pedida abater o preço do iPod para ganhar em volume de vendas na iTunes/App Store e bragging rights. Detalhe importante: isso já acontece com o Apple TV, que é vendido a preço de custo para obter retorno através das compras na iTS.

Para não precisar apelar para reza braba (DMCA Deus, impeça os consumidores de fazer jailbreak, por favor!”) ou para contratos duvidosos (“Assinando aqui, você nos concede sua alma… e a do seu peixinho dourado”), a Maçã poderia assegurar os US$150 de vendas via iTS necessários para suprir o abatimento no valor do iPod. Como? Fazendo a seguinte equação:

  • iPod touch 8GB: US$150
  • Três Gift Cards da iTunes Store: US$150 (Para colocar uma cereja no topo do sorvete, que tal permitir que o comprador em uma Apple Retail Store já faça seu cadastro na iTS e torre os Gift Cards antes de sair da loja?)
  • Ter o PMP mais sexy do mundo e já sair da loja com ele cheio de apps e músicas: não tem preço

Não sou analista de mercado, mas concordo com a proposta apresentada no artigo que citei no comecinho deste texto: o iPod touch tem tudo para ser um verdadeiro azarão na árdua tarefa de conquistar mais usuários para a Maçã em meio a um turbilhão econômico global.

And that, as they say, is that.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Adium lança versão 1.3.3 final e convida usuários a participar

Próximo Artigo

Brincando de Tiger Woods no iPhone

Posts Relacionados