Aplicativo “I Am Richer” ressurge no Android Market por US$200

É claro que isso ia acontecer: com a abertura do Android Market para aplicativos pagos, um dos primeiros na fila foi o “I Am Richer”, basicamente a mesma coisa do “I Am Rich”, que surgiu na iPhone App Store em agosto do ano passado por US$1.000. Neste caso, porém, ele sai por apenas US$200.

Publicidade

I Am Richer no Google Phone

A atual encarnação do aplicativo mudou de uma pedra preciosa vermelha para uma azul, mais baratinha — isso porque US$200 é, de fato, o máximo que o Google permite para a comercialização de apps no Android Market. Sua utilidade é a mesma da versão original: nenhuma.

No primeiro round, oito pessoas caíram na brincadeira e gastaram US$1.000 cada pelo programa que não faz nada. Tomara que a história não se repita aqui, até porque ele não aparenta violar nenhuma regra da loja do Google. Ah, mas eu já ia me esquecendo: lá a pessoa tem até 24 horas para “devolver” o aplicativo e pegar o dinheiro de volta, caso não se satisfaça. Ouviu, Apple?!

[Dica do Junior Santos, valeu!]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…