O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Skype distribuirá gratuitamente seu codec de áudio SILK

O Skype só faz o sucesso que faz — e, com isso, irrita (e muito!) operadoras de telefonia fixa e móvel no mundo todo — porque oferece ligações (além de videoconferências) baratas pela internet (VoIP: voz sobre IP), porém com o “detalhe” de oferecerem uma qualidade de som excelente.

Publicidade

Ocorre que telefones só transmitem sinais de áudio com um alcance de frequência bastante limitado (de cerca de 300Hz a 3,4kHz), enquanto a tecnologia do Skype pode transmitir a até 12kHz — uma frequência maior até que a voz humana. Em outras palavras, com um equipamento bom, o som sai como se as duas pessoas estivessem no mesmo lugar.

Skype SILK

O problema, evidentemente, aparece na banda de rede disponível para proporcionar tal qualidade de voz. O Skype usa um codec super wideband na sua versão 4 para Windows (a versão para Mac ainda está em beta e tem previsão de disponibilidade para abril) chamado SILK, que resolve a questão mesmo para quem não possui uma conexão banda larga de verdade. A novidade do dia? A empresa o distribuirá gratuitamente para outras, sem royalties.

Publicidade

De acordo com a Skype, o SILK utiliza 50% menos banda que codecs similares e pode ser escalado em tempo real para que se ajuste às condições da rede. Além disso, possui algoritmos que balanceiam e otimizam a sua transmissão com base no áudio que está sendo enviado, seja ele voz, música ou ruídos de fundo.

A ideia da companhia — que possui hoje cerca de 400 milhões de usuários no mundo — é que ele passe a ser usado em larga escala, tornando-se um padrão na indústria em aplicativos similares (iChat?), dispositivos eletrônicos e até em telefones (iPhone incluso). Soa muito bem aos meus ouvidos. 😉

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Confira unboxing, entranhas e benchmarks do novo iMac de 20 polegadas

Próximo Artigo

China Unicom confirma estar em negociações com a Apple para levar o iPhone 3G à China

Posts Relacionados