Lei norte-americana permite à sua aduana confiscar laptops e dispositivos portáteis

Radio X em aeroportoUma nova lei aprovada recentemente pela Corte Federal dos Estados Unidos dá respaldo aos oficiais de todas as aduanas de fronteiras do país a confiscar e copiar quaisquer dados de dispositivos eletrônicos, como laptops (MacBooks, MacBooks Air, MacBooks Pro…), PMPs (iPods e afins), smartphones (iPhones, BlackBerries, etc.) e por aí vai.

Publicidade

Isso significa que documentos, imagens, textos, planilhas, emails, vídeos ou qualquer outro dado armazenado digitalmente deixa de ser considerado propriedade pessoal, passando a ser visto como bagagem comum. Os oficiais alfandegários não só passam a ter acesso a eles, como também têm liberdade para reter qualquer aparelho sem muitas explicações.

Se for viajar para lá, portanto, deixe a preocupação com a sua privacidade de lado. Porém, caso não queira perder algo de valioso, não se esqueça de fazer um backup de todos os dados antes de embarcar.

[Dica do Pedro Salum, valeu!]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…