O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Novo PSP pode “lembrar de longe” o iPhone e o iPod touch

Conceito de novo PSP

Informações obtidas recentemente pelo Pocket Gamer estão ajudando a alimentar os rumores de que uma nova versão do PSP com touchscreen está sendo desenvolvida pelo pessoal da Sony, a fim de substituir o modelo atual. Assim como outras especulações já afirmaram, o console portátil teria um design minimalista, com carcaça preta e bordas metálicas, lembrando de longe o atual iPod touch.

Publicidade

Conceito de novo PSP

Esse novo design descrito pelo Pocket Gamer assemelha-se ao da imagem acima. Assim, o novo PSP também teria um controle deslizante para estimular desenvolvedores a trabalharem com jogos que usem apenas a touchscreen, mas sem deixar de manter suporte aos que dependem dos controles físicos hoje em dia.

Este modelo dará maior ênfase à distribuição de jogos por meio da internet, em um conceito que lembraria vagamente o da App Store (mais um!). Desenvolvedores de jogos poderiam distribui-los em uma loja acessível pelo próprio console, sendo que os títulos seriam protegidos contra pirataria por meio de um sistema de gerenciamento de direitos autorais (aka DRM). Obviamente, ainda seria possível jogar os títulos distribuídos atualmente.

A Sony tem rejeitado comentar sobre os planos de um novo PSP, apesar de já ter indicado que é hora de repensar o modelo de negócios do seu console portátil. Não creio que seja adequado dizer que ela enfrenta concorrência direta dos gadgets multi-touch da Apple: a qualidade e o modelo dos jogos para PSP ainda são bem superiores, devo admitir. Mas com o poder que a plataforma móvel da Maçã poderá adquirir no futuro, somado ao sucesso do Nintendo DSi nos Estados Unidos e na Europa, creio que já passou da hora de a Sony mostrar sinais de mudança.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple começa contagem regressiva para o primeiro bilhão de títulos baixados na iPhone App Store

Próximo Artigo

Agora a Microsoft quer usar a infame "Apple tax" a seu favor

Posts Relacionados