Amazon.com lança ferramenta para publicação de blogs na Kindle Store

Blog no kindleA Amazon.com lançou nesta quarta-feira o Kindle Publishing for Blogs Beta, um ferramenta que permite a donos de blogs venderem seu conteúdo pela Kindle Store.

Publicidade

O processo todo é muito simples: basta se cadastrar no programa, informar o endereço do feed RSS do blog e preencher as informações básicas sobre o seu site. O resto é por conta da gigante de e-commerce. Literalmente! 🙂

A partir deste momento, todo o restante do processo fica por conta da Amazon. Será ela quem formatará o conteúdo do blog para o Kindle, estabelecerá o valor que será cobrado pela assinatura do conteúdo e, dentro de um período que pode variar de 12 a 48 horas, fará a publicação na Kindle Store.

E é isso mesmo que você leu: é a própria Amazon quem decidirá o valor que será cobrado pelo seu conteúdo. Os preços já praticados atualmente para grandes nomes — como The New York Times — variam entre US$1 e US$2. E se você quiser oferecer o seu blog de graça? Pode esquecer. Eles cobrarão o preço que acharem ser justo pela importância do seu conteúdo.

Até aí, você pensa: tudo bem, eles estão fazendo todo o processo de adaptação e são os donos da loja e do produto. Mas tem mais uma pegadinha! A distribuição dos lucros: a Amazon.com fica com 70% e você, que gera todo o conteúdo, fica com apenas 30%.

Publicidade

Não sei, não. A ideia de ter o conteúdo de seu blog distribuído de formas diferentes e, ainda por cima, receber por isso é muito bacana. Mas se a própria Apple já enfrenta problemas de aprovação de aplicativos na App Store, imagino como ficará essa decisão de a própria Amazon.com estabelecer o valor que será cobrado, ainda mais com uma margem de lucro tão baixa!

Roubando o conteúdo de outras pessoas

Mal o programa Kindle Publishing for Blogs Beta foi liberado para o público e já tem gente fazendo mal uso da ferramenta. Como o processo de publicação é muito simples, tem gente se aproveitando da novidade para roubar o conteúdo alheio e faturar uma graninha em cima dele.

Algumas pessoas estão simplesmente cadastrando o conteúdo de blogs como se fossem os donos deles e a Amazon publicando em sua loja. Isso porque o cadastro não exige nenhuma forma de comprovação de que a pessoa que está realizando o cadastro é o verdadeiro dono do blog.

Por enquanto, a fabricante do Kindle está eliminando os blogs cadastrados de forma ilegal, mas acho que ela terá que rever urgentemente a sua política de cadastramento.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…