O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Boato: empresa japonesa fornecerá magnetômetro para a próxima geração do iPhone

Desenvolvedores que estão trabalhando com os betas do iPhone OS 3.0 relataram que dados referentes à japonesa Asahi Kasei estão indicados em alguns arquivos de código do sistema, apropriadamente colocados em uma pasta chamada “bússola” (digital compass). Esta companhia é especializada em soluções para vários campos da indústria de eletrônicos e forneceu componentes para a primeira geração do iPod touch, até o final do primeiro trimestre de 2008.

Publicidade

iPhone 3G deitado, de lado

Os arquivos encontrados identificam um sensor produzido pela Asahi cujo código de série é AK8973. Trata-se de um componente de 16 pinos com 4 milímetros quadrados de área e 0,7 milímetros de espessura, capaz de detectar direções eletronicamente. Não se sabe se este é o único componente que a empresa fornecerá ao futuro aparelho, já que ela possui especialização na produção de outros produtos em que a Apple pode se interessar.

Dentre eles, destaca-se uma categoria de indicadores de submersão, algo que a Apple vem colocando em seus produtos portáteis nos últimos dois anos para ajudar seus técnicos a determinar falhas de funcionamento ligadas ao contato dos aparelhos com água, o que não é coberto pela garantia.

Publicidade

Abaixo, está um diagrama elétrico do componente mencionado pelos arquivos do iPhone OS 3.0:

Suposto magnetômetro do iPhone OS 3.0

A presença deste dispositivo é importante, pois o atual iPhone não é capaz de detectar a direção para o qual ele aponta, mesmo contando com acelerômetros que controlam o nível de inclinação do dispositivo. Entre outros componentes que estão para vir na terceira geração do iPhone, há uma câmera com suporte a vídeo e um chip Wi-Fi 802.11n em modo de baixo consumo de energia.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple Retail Store de Chicago sofre vandalismo

Próximo Artigo

Braid ganha versão para Mac

Posts Relacionados