O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Google Chrome para Mac mostra alguns avanços em relação ao Chromium, mas ainda devemos esperar

Avaliar o Chromium para Mac OS X depois de alguns meses em desenvolvimento me deixou animado: até que ele mostrou sinais de evolução, depois de alguns meses de nightly builds sendo lançados várias vezes por dia. Agora, com builds do Chrome propriamente dito disponíveis no canal beta do Google, é possível constatar sinais de evolução, mas que apenas justificam o início de uma nova fase de desenvolvimento no navegador que realmente chegará ao público final.

Publicidade

Google Chrome

Até que ele se torne “usável”, será preciso um tempo. No entanto, com a expectativa de um novo build sendo lançado a cada semana, dar uma chance a ele no dia-a-dia poderá se tornar uma realidade em curto prazo. E, por falar em um build novo por semana, uma das novidades do Chrome em relação ao Chromium é a presença de um recurso de atualização automática: assim como no Windows, você pode checar a presença de updates manualmente, indo ao menu Chrome » About Google Chrome. Mas, claro, ele funciona em segundo plano, então sempre que houver uma nova mudança, ela será aplicada ao navegador.

Google Chrome

Mesmo estando muito “bugado” e instável para gerenciar processos — a arquitetura de múltiplas tarefas ainda não funciona em sua plenitude —, ele mostrou avanços no carregamento correto de algumas páginas, que antes estavam com sérios erros no layout. Ele se mostra mais rápido que o Safari 4 Public Beta, mas é importante lembrar que o navegador do Google suporta apenas os recursos básicos de um aplicativo na sua categoria, como renderização de HTML e execução de JavaScript. Assim, ele lida com o que precisa para rodar sem consumir muito da máquina, o que é refletido na sua performance geral.

Publicidade

Ainda em performance, é importante destacar a velocidade de execução de JavaScript do Chrome. Executei e analisei alguns testes com o SunSpider 0.9, que é o benchmark de JavaScript mais recomendado para navegadores baseados em WebKit, e os resultados dele foram melhores até que dos builds de teste do Chromium. Em comparação com o Safari 4, ele é 19% mais rápido e, em comparação com o WebKit no seu build mais recente (r44474), ele é 19% mais lento.

WebKit Browsers, JavaScript shootout

Comparados com o Firefox, Chrome e Chromium estão bem à frente: são quase duas vezes mais rápidos que o Firefox 3.5b99 — liberado ontem para o Test Day do candidato a lançamento — e quase três vezes mais rápidos que a versão 3.0. Apesar de o navegador da Mozilla ser bem mais lento, a sua execução de JavaScript é bastante estável e segura, e considerando que Chrome e Chromium são navegadores ainda em desenvolvimento, acredito que a raposa continuará sendo a melhor escolha quando o o produto final do Google for lançado para Mac.

Chrome x Firefox em JavaScript

De qualquer forma, o motor V8 para JavaScript do Chrome tem potencial e isso será importante para a grande maioria das aplicações web que são prometidas pelo Google para o futuro da internet. Mas a impressão que tive desta vez ainda poderá mudar, conforme o Chrome ganhar estabilidade e recursos no Mac OS X, então vamos ver como a coisa evolui até o seu lançamento final, cuja data ainda é uma incógnita.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Mac OS X Snow Leopard: build 10A380 deverá ser o "Golden Master" a ser distribuído durante a WWDC '09

Próximo Artigo

iCommand Controller adiciona botões ao shuffle 3G, mas tira um pouco do charme

Posts Relacionados