O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Teste de bateria do novo MacBook Pro de 15 polegadas resulta em autonomia superior a oito horas para navegação e música

Com uma unidade do MacBook Pro de 15 polegadas, o AnandTech foi um dos primeiros sites a publicar uma análise completa do mesmo, destacando especialmente a sua bateria não-removível e a autonomia dela. Não bastasse ela ser um belo trabalho de engenharia da Apple — ocupando o mesmo espaço e peso da anterior, porém com uma capacidade 46% maior — os testes de navegação e execução de músicas comprovaram que a duração de bateria do portátil supera oito horas.

Publicidade

MacBook Pro - indicador de bateria

O benchmark de duração da bateria foi comparado com as demais gerações e mostrou que a edição 2009 do MacBook Pro de 15 polegadas é a mais eficiente da história da companhia nesse sentido. “É a melhor duração de bateria que eu já vi”, afirma Anand Shimpi, responsável pela resenha. Também é importante lembrar que esses resultados foram obtidos com o modelo básico, de US$1.700, com 4GB de memória, HD de 250GB e GPU NVIDIA GeForce 9400M, cuja autonomia declarada pela Apple em seu site é de até sete horas.

Neste teste, foram carregados em sequência 20 sites sem nenhum tipo de aplicação rica para web (Flash, Silverlight, etc.) em uma conexão Wi-Fi de padrão n, enquanto era executada uma sequência de faixas MP3 no iTunes. Um segundo teste nesse sentido foi realizado com conteúdo em Flash nas páginas, e o resultado foi uma autonomia de bateria de quase sete horas.

Para os que gostam de assistir a séries de TV, a nova bateria também traz um excelente ganho em duração. O Gizmodo fez um teste de maior peso com o novo MacBook Pro de 15 de polegadas, em uma situação de uso de Wi-Fi, brilho médio, iluminação de teclado ativa e um filme codificado em H.264 sendo executado ininterruptamente. O resultado? Quase quatro horas de autonomia. Para fins de comparação, esse era o limite do modelo anterior.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Chegada do GM seed do iPhone OS 3.0 mostra que a Apple não cobrará por novos downloads de apps já comprados

Próximo Artigo

Mozilla Jetpack chega à versão 0.2

Posts Relacionados