O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Estudo alerta para o perigo das telas glossy à postura dos usuários

Uma universidade australiana está alertando seus funcionários e alunos sobre o perigo que as telas glossy podem oferecer à coluna vertebral, buscando conscientizar donos de notebooks e computadores com monitores que possuem esse tipo de acabamento em suas telas. Basicamente, o aviso emitido pela instituição abrange a maneira como produtos que que se enquadram nesse caso são posicionados e utilizados.

Publicidade

MacBook Pro com tela glossy

De acordo com o estudo, os reflexos somados ao brilho destas telas podem afetar de forma negativa o melhor ângulo de visão recomendado para o uso, o que é capaz de fazer o usuário adotar posturas fora do recomendado para obter uma boa imagem. Reflexos prejudiciais costumam ser influenciados pela iluminação do ambiente ou o posicionamento das janelas.

As recomendações casuais para evitar danos à saúde devido a isso são poucas, mas em alguns casos costumam ser difíceis de seguir à risca. Basicamente, consistem em avaliar o local onde os produtos são utilizados, a fim de verificar em quais pontos eles podem ficar sem a constatação de reflexos. Quando isso não é possível, o melhor a ser feito é minimizar esses fenômenos tomando pequenas medidas, como fechar cortinas que possam estar atrás do usuário, posicionar as telas em um ângulo de 90 graus e diminuir um pouco o brilho dos monitores.

Publicidade

No entanto, o que a universidade responsável pela elaboração deste estudo está propondo é fazer com que seus docentes e discentes evitem a compra de notebooks e/ou computadores com telas de acabamento glossy, adotando dessa forma soluções anti-reflexivas. Aplicando isso aos produtos da Apple, a coisa complica um pouco: todos os iMacs atuais possuem tela glossy, em conjunto de todos os MacBooks Pro e o LED Cinema Display.

A não ser que queira recomendar apenas o MacBook branco ou um desktop com um Cinema Display HD de 30 polegadas a clientes que desejem tomar esse tipo de cuidado com sua saúde física, é bom que a Apple trate de expandir seu programa de instalação de telas anti-reflexos para mais produtos da sua linha. Atualmente, tal opção só existe para o MacBook Pro de 17 polegadas e custa US$50 adicionais.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple libera atualizações para Java no Mac OS X Tiger e Leopard

Próximo Artigo

QuickTime X aparenta ser capaz de reproduzir arquivos no formato Flash Video

Posts Relacionados