Chegada do iPhone à China pode estar sendo atrasada por registro de marca

A chegada do iPhone à China é aguarda há muito tempo. Analistas esperam que a Apple feche um acordo de exclusividade para a distribuição do seu smartphone com a China Unicom por pelo menos dois anos.

Publicidade

iPhone na China

Porém, o lançamento tão aguardado do aparelho poderá ser atrasado por problemas relacionados ao registro da marca “iPhone”. Em 2002, a Apple realizou o pedido para garantir o nome do seu produto no país, porém, a firma de Cupertino apenas solicitou o seu registro nas categorias hardware e software.

Assim como ocorreu nos Estados Unidos, o termo foi abocanhado por outra empresa. A Hanwang Technology, empresa que vende eletrônicos e dispositivos para reconhecimento de escrita, possui o registro da palavra “i-phone” na categoria telefonia.

Publicidade

A semelhança nos nomes será um grande problema para a Apple. As leis chinesas não permitem que produtos com nomes parecidos sejam comercializados. Para que possa vender o iPhone no país, a Maçã terá que conseguir revogar a trademark que a sua concorrente possui — um processo que pode levar até quatro anos —, ou fechar um acordo para a utilização do nome assim como fez com a Cisco, em 2007.

Segundo um porta voz da Hanwang, a empresa ainda não foi contatada pela a Apple acerca do problema dos nomes. Qual será o desfecho desta história? Ainda é complicado de se dizer. Mas a Apple já possui acordo com a operadora e já utiliza a tecnologia de reconhecimento de escrita chinesa no sistema operacional do iPhone, conforme fora demonstrado durante a WWDC ’09.

[Via: The Register.]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…