Usuários do Parallels Desktop devem atualizá-lo para a versão 4 antes de migrar para o Snow Leopard

Se você ainda não migrou para o Mac OS X 10.6 Snow Leopard temendo problemas de compatibilidade com o uso do Microsoft Windows no Parallels Desktop, talvez seja preciso tomar alguns cuidados especiais. O problema principal, contudo, afeta apenas quem usa o aplicativo de virtualização na versão 3 ou inferior, pois o sistema pode considerá-lo incompatível na hora do upgrade ou, na pior das hipóteses, bloquear tentativas de inicialização.

Publicidade

Windows 7 no Parallels Desktop

A atual versão 4 (com o último update liberado pela empresa) é totalmente compatível; aliás, a Parallels diz que o aplicativo roda muito bem em máquinas Intel com o Snow Leopard, com melhor desempenho e experiência de uso. Desta forma, é recomendado aos usuários que façam o upgrade do aplicativo _antes_ de instalar o Snow Leopard, o que leva aproximadamente dez minutos, segundo a própria desenvolvedora.

Alguns usuários que já passaram pelo processo de atualização alertam que o upgrade do Parallels Desktop e o posterior upgrade de sistema devem ser feitos com todas as máquinas virtuais paradas, e não apenas suspensas pelos recursos do aplicativo. A medida é necessária para preservar a integridade das suas VMs durante as atualizações — se puder fazer um backup delas para outro HD, também é uma ótima ideia.

Publicidade

Se você usa o Parallels Desktop 3, migrar para a versão 4 custa US$40. Caso não possa arcar com o investimento no momento, considere o uso temporário do Boot Camp, que recebeu diversos aprimoramentos feitos pela Apple e suporta até a instalação do (ainda não lançado) Windows 7 em seu Mac — o principal contra é não poder contar com ele em paralelo ao Mac OS X, isto é, virtualizado.

[via Mac OS X Hints | imagem: Simple Help]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…