O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple investiga meios de melhorar a qualidade visual de vídeos em streaming

Ícone do QuickTime X

Normalmente, quando realizamos streaming de vídeos através da internet, é normal visualizar imperfeições dependendo da qualidade de conexão, afetando dessa forma a visualização do conteúdo. O problema é que, até hoje, não foi popularizado nenhum meio de fazer esses “defeitos” na reprodução serem controlados para otimizar a exibição, algo que a Apple propõe em mais uma patente de tecnologia.

Publicidade

Streaming através do QuickTime X

O que acontece com um streaming ao serem constatados problemas de conexão é que o vídeo precisa ser comprimido para reduzir seu tamanho de download e, consequentemente, poder ser visualizado em uma largura de banda menor. A nova técnica proposta pela Apple não eliminará essa necessidade, mas ela tentará “mascarar” os efeitos da compressão de artefatos em uma transmissão dessa natureza, como uma tentativa de melhorar sua reprodução para o usuário.

Em tempo real, ela será capaz de analisar o vídeo que está sendo reproduzido por meio de streaming, reconhecendo em cada imagem onde é necessário otimizar a visualização. Depois, ela começará a aplicar efeitos nos locais degradados pela compressão para tratá-los da melhor forma possível, algo que pode ser empregado não apenas em computadores, mas também em set-top-boxes e dispositivos móveis.

Tal tecnologia complementa muito bem a funcionalidade de streaming via HTTP, proposta como padrão pela Apple há alguns meses e que tenta melhorar a qualidade de reprodução de conteúdo pela internet no lado dos servidores onde estão hospedados. Com as intenções desta nova patente, ela poderá fazer com que os espectadores de uma transmissão de vídeo ao vivo também possam contar com capacidades extras de software, a fim de verem vídeos da melhor forma possível através de uma conexão com a internet.

[via AppleInsider]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

iFund investe no Shazam, app de reconhecimento de músicas

Próximo Artigo

Thinkers 50 elege Steve Jobs o quarto pensador empresarial mais influente no mundo

Posts Relacionados