O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Halex bodejando: sabe o que me deixa uma pilha?

(Este post não é produtivo: quem estiver sem tempo, pode ignorá-lo. Quero apenas compartilhar uns pensamentos…)

Publicidade
Enfie pilhas aqui. ^
Enfie pilhas aqui. ^

As novidades de hoje podem ter sido injustamente desprovidas de uma Stevenote cheia de “Incredible! Fantastic! Wonderful!” e outros adjetivos, mas elas certamente foram cheias de “Uau!” do lado de cá do teclado. De todas, as que eu mais esperava eram as renovações de mouse e teclado sem fio da Apple. E ambas me decepcionaram: uma, porque deu um salto à frente, mas com um pé acorrentado no passado; a outra, porque simplesmente não existiu.

O Magic Mouse, todos hão de concordar, é uma grande chance para a Apple se redimir do #epicFAIL que foi o M***** Mouse: muito pouco ergonômico e dotado de um iTorture camuflado de bolinha de rolagem, ele era tudo, menos prático e fácil de usar. Quantos ratos desse você já viu morrerem depois de um tempo de uso?

Pois bem, a Maçã finalmente deu um fim à bolinha maldita e fez o mouse ficar mais fino, o que pode favorecer o conforto do usuário. Melhor ainda: agora a superfície multi-touch nas costas do “roedor sem rabo” permite que sejam feitos gestos! Mas uma pergunta: por que só até dois dedos? Por que não transferir logo as funções dos trackpads dos MacBooks direto para o mouse? Vamos e venhamos, scroll com um dedo no mouse e com dois no notebook é incoerente… :-/

Publicidade

Mas eu relevo isso. O que eu não acho racional, a esta altura do campeonato, é um mouse sem fio usar pilhas AA! Steve, você não quer ser verde? Que tal as pilhas de pilhas usadas que vão nascer e crescer por conta disso? Nada verde. “Ah, mas dá pra usar as recarregáveis!”, você pode dizer. Eu digo que é um _porre_ usar pilhas desse tipo com periféricos. Sim, pois elas levam um tempão pra recarregar e perdem força rapidinho quando são estocadas. Resultado: você fica sem mouse enquanto um par de AAs está na tomada, pois as que tinha deixado de reserva perderam carga enquanto esperavam. Isso mata qualquer um de raiva.

Apple Wireless Keyboard

E o teclado? Continua com a mesma necessidade tosca. Acabou a pilha, nada de trabalho: tem que esperar recarregar ou então jogar as velhas no colo da Mãe Terra e comprar novas na padaria. Pois proponho uma mudança radical (na verdade, duas). Que tal matar o mouse de vez (nada pessoal, Magic) e colocar um trackpad multi-touch (de verdade, como o dos MacBooks) no lugar do teclado numérico? Eu amo meu teclado numérico, mas eu amaria mais ainda poder usar um periférico apenas para controlar meu Mac. E, pelo amor de Deus, Jobs, _enfia_ uma super bateria recarregável de lítio nesses dois! Sabe o que acontece quando uma dessas descarrega? Você conecta um cabo ao periférico e, enquanto o usa, em pouco tempo já fica com 80% da carga; um tanto mais e boom!, recarregou. Até a Sony já fez isso com o Sixaxis/DualShock 3 e taí: nem morreu por causa disso.

Mas, não! Só pra Apple dizer que _nunca_ usa fios, somos obrigados a ainda consumir pilhas AA, que estão por aí, poluindo o mundo desde Deus-sabe-quando e nos deixando na mão nas horas mais críticas — como só Murphy sabe fazer #prontofalei. Agora é sua vez: o que você achou do uso de pilhas AA no Magic Mouse? E a ideia de um teclado com trackpad, agrada? Comente à vontade!

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Barnes & Noble oficializa Nook, seu leitor de eBooks (ou devemos chamá-lo de Kindle-killer?)

Próximo Artigo
iTunes Store

Acordo feito pela Apple com a Comissão Europeia abre caminho para a expansão da iTunes Store no continente

Posts Relacionados