O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Sumário de desempenho da Apple para o ano fiscal de 2009 mostra queda na receita do iPod e aumento dos gastos com publicidade

Apple Logo Pro

Apple Logo ProA Apple registrou ontem nos Estados Unidos o seu Form 10-K para o ano fiscal de 2009, basicamente um resumo do desempenho da empresa em que é discriminado o estado geral dos seus negócios, informações superficiais dos seus produtos e diversos números financeiros. O documento, com 104 páginas, pode ser baixado agora em formato PDF (422KB), mas, a seguir, listamos todos os principais itens abordados nele.

Publicidade

Para começar, foi reportada uma queda de 1% nas vendas de iPods durante o último ano fiscal, encerrado em setembro. Os 54 milhões de unidades vendidas representaram uma perda de apenas 1% em unidades, mas o mesmo não pode ser dito sobre a receita, que caiu 12% e agora está nos US$8,091 bilhões. A principal causa disso foi a redução do valor médio de um iPod, que caiu de US$167 em 2008 para US$150 em 2009.

Na iTunes Store, foi confirmado um crescimento superior a 10% em todas as regiões onde ela opera, o que foi atribuído ao aumento do número de usuários de iPods e iPhones e ao crescimento do interesse dos clientes por conteúdo digital e aplicativos, algo que ampliou significativamente o catálogo da loja e contribuiu para a sua expansão global. Em 2009, a recita gerada com essa parte dos negócios da Apple foi de US$4,036 bilhões, 21% a mais do que em 2008.

Publicidade

Também foi confirmado um aumento das movimentações no setor de fornecimento de componentes, no qual foram feitos acordos gigantes para a fabricação de novos produtos. Destacam-se aqui dois contratos de meio bilhão de dólares, firmados com a LG (para telas de iMacs) e com a Toshiba — para memórias NAND flash.

Além desses destaques, foram feitos diversos anúncios menores:

  • Gastos com Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) cresceram mais 20% em relação a 2008, totalizando US$1,3 bilhão.
  • O desenvolvimento do Mac OS X 10.6 Snow Leopard custou US$71 milhões à Apple.
  • Foram gastos US$501 milhões com propaganda.
  • Devido à licença médica de Steve Jobs, as despesas com seu jato particular despencaram dos US$871 mil para aproximadamente US$4 mil.
  • Com a abertura de muitas lojas de varejo pelo mundo (a maioria delas internacionalmente), a receita média gerada por cada uma caiu de aproximadamente US$30 milhões para cerca de US$26 milhões. Há 16.500 empregados em todas elas.
  • O crescimento internacional da Apple também fez com que a margem de lucro fora dos Estados Unidos subisse para 46%, contra 43% no ano de 2008.

No geral, quem investe na AAPL há bastante tempo possui muitos motivos para comemorar em 2009 — são 30.573 pessoas ao redor do mundo, dividindo 900.678.473 papéis. Estima-se que US$100 investidos da empresa há cinco anos correspondam a US$957 (!) atuais.

[via 9 to 5 Mac]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

QuickTime Player X Preference Pane possibilita um pouco mais de customização no QuickTime X

Próximo Artigo

TomTom lança utilitário de configuração do seu Car Kit na iPhone App Store

Posts Relacionados