O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Por que o Google ainda ignora a falta do Gears com suporte ao Safari 4 no Snow Leopard?

Hoje, uso muito o Firefox no Snow Leopard, mas não estaria nada contente com o Google se fosse um usuário do Safari, devido à falta de uma versão do plugin Gears compatível com ele. Atualizá-lo como antes não seria uma tarefa difícil, porém a Apple fez mudanças drásticas na forma como plugins e extensões de sistema funcionam, forçando desenvolvedores a buscar métodos para convertê-los em 64 bits — além disso, o instalador do Gears não deixa que ele seja instalado no Mac OS X 10.6, devido a uma conferência de compatibilidade.

Publicidade

Gears no Snow Leopard?

Mesmo com toda a complexidade que a tarefa de solucionar problemas existentes representa para um desenvolvedor, a gigante de buscas não se manifestou a respeito do caso de nenhuma maneira, seja pelo blog oficial do produto ou pelas inúmeras ocorrências abertas em seu Issue Tracker. Os usuários que enviaram mensagens para a empresa (e eu me incluo entre eles) não querem nada da noite para o dia, mas uma posição da equipe de desenvolvimento a respeito do caso já deveria ter sido dada — afinal de contas, estamos usando o Snow Leopard há aproximadamente dois meses.

Em julho, quando o Firefox 3.5 foi lançado, o pessoal de Mountain View também precisou de um tempo bem acima do normal para colocar o Gears em funcionamento, e já havia notado insatisfação de muita gente, inclusive de alguns leitores. Da mesma forma, uma parcela considerável de quem usa o Safari precisa do Gears, especialmente para rodar os principais web apps do Google (Gmail, Calendar, Reader e Docs) mesmo sem conexão com a internet.

Apesar de algumas pessoas terem disponibilizado versões especiais do plugin para rodar no Snow Leopard — como é o caso dos desenvolvedores que estão por trás do aplicativo Mailplane —, todas elas são soluções temporárias, pois não funcionam no Safari sem que ele seja configurado para rodar em 32 bits. Assim, eu imagino que a única forma de chamar a atenção do Google pela falta do Gears no Safari 4 para Snow Leopard é usando o Issue tracker mesmo: ao menos os desenvolvedores que deveriam trabalhar com o produto diariamente vão ter que notar isso.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Mac OS X 10.6.2 corrige diversos problemas no Adobe Photoshop e Fireworks CS4

Próximo Artigo

Mint analisa varejo musical online; destaca domínio da iTunes Store

Posts Relacionados