O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Foxconn pretende entrada avassaladora com 10.000 lojas de varejo na China

Sede da Foxconn

Sede da FoxconnFoxconn não é um nome estranho para quem acompanha notícias do mundo Mac. A fabricante chinesa é hoje a maior parceira da Apple na fabricação de iProducts, mas também tem contratos com gigantes como Sony, Nokia e Nintendo.

Publicidade

De acordo com o China Daily, a empresa exporta cerca de US$55,6 bilhões em eletrônicos por ano da China, o que representaria 3,9% do total do país. Todavia, há quem diga que o número é subestimado, e que ela ultrapassa os US$100 bilhões.

Agora, parece que a Foxconn planeja uma entrada voraz entre lojas de varejo na China, pretendendo abrir 10.000 (!) localidades em três anos. Sim, do zero ela pretende se impor um ritmo de 278 novas lojas inauguradas por mês em média — batendo o recorde do setor, anteriormente registrado pela Suning, que chegou a abrir 52 lojas por mês.

Os pontos de venda da Foxconn provavelmente serão perfeitos para ela demonstrar e comercializar produtos que ela mesma fabrica, como iPhones, iPods, Macs, PlayStations, VAIOs, Kindles, smartphones, Wiis, etc. Isso significa, portanto, que ela terá uma força ainda maior nas negociações com OEMs, que se beneficiariam também desse tipo de exposição no concorrido mercado chinês.

[via TechCrunch]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

SoftBank dará iPhone 3GS de graça para quem se comprometer por dois anos com a operadora

Próximo Artigo

fring é atualizado e torna-se primeiro IM a trazer videoconferências para o iPhone

Posts Relacionados