O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Projeto Gordon levará Flash para o Mobile Safari via JavaScript

Como o iPhone OS não está na lista de plataformas móveis que serão “abrançoadas” (entenda como quiser :-P) pela Adobe com o Flash Player 10.1 até março, até alguns dias atrás não existiam esperanças de que o conteúdo criado com base nessa tecnologia poderia ser reproduzido em iPhones/iPods touch via Mobile Safari. Você leu direito, “não existiam”: um projeto open source destacado recentemente pelo TUAW está tentando criar um novo meio para o Flash Player funcionar no iPhone OS, de uma forma que a Apple não possa fazer nada para impedir.

Publicidade

Denominado Gordon, o projeto é liderado pelo desenvolvedor Tobias Schneider e visa a criar um runtime da tecnologia Flash que roda diretamente no browser via JavaScript, dispensando a necessidade de um plugin para exibir conteúdo baseado nela. Em poucas palavras, o próprio Mobile Safari se torna capaz de processar animações, sites e quaisquer outras coisas criadas em Flash, graças a uma implementação que é totalmente transparente aos usuários — salvo alguns problemas isolados de desempenho.

Além disso, ela não funciona apenas no navegador móvel da Apple, mas também em outros browsers com suporte total a SVG, incluindo Firefox, Opera, Google Chrome e o próprio Safari no desktop. Em testes que realizamos através de algumas demonstrações publicadas online, foi possível ver as animações funcionando perfeitamente, mas em hardware mais antigo — como um iPod touch de primeira geração — o desempenho delas pode ser bastante prejudicado, sem falar que algumas implementações nem mesmo funcionam.

No geral, os resultados do projeto Gordon até o momento são bastante satisfatórios e quem sabe veremos muita coisa em Flash rodando em iPhones no futuro por meio dessa iniciativa, que ainda está em fase de desenvolvimento e possui muitas limitações. Uma delas é a falta de suporte a vários elementos da tecnologia Flash, impedindo a realização de muita coisa. Outra que merece destaque é a dificuldade pela qual os desenvolvedores precisam passar caso queiram colocar conteúdo em Flash online, exigindo técnicas avançadas de HTML e, claro, de JavaScript.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Saiba que estabelecimentos aceitam Ticket no seu iPhone/iPod touch

Próximo Artigo

Apple agora tem um empregado especializado em fusões e aquisições de outras companhias

Posts Relacionados