O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Dicas de Terminal: o “melhor” cliente de Twitter do mundo…

@macmagazine via Terminal: yay!
@macmagazine via Terminal: yay!

Para quem está muito habituado a clientes de Twitter repletos de todo o tipo de parafernália, talvez até mesmo o site oficial do serviço deixe a desejar no que oferece para os usuários em termos de recursos e, principalmente, de integração com outros sites da web. Mas você consegue se imaginar acompanhando o status dos seus amigos e postando updates a partir do lugar mais “obscuro” do seu computador?

Publicidade
@macmagazine via Terminal: yay!
@macmagazine via Terminal: yay!

Independentemente de a sua resposta ser sim ou não, saiba que a façanha é possível. Basta abrir o Terminal usando o Spotlight ou indo até a pasta /Applications/Utilities/; a partir daí, você pode acompanhar a página de updates de um determinado usuário do Twitter através do seguinte comando:

[code lang=”cpp”]curl -s http://twitter.com/seuusuário | grep ‘<span class="entry-content">’ | cut -d">" -f2 | cut -d"<" -f1[/code]

A janela ficará sem resposta por alguns segundos, mas todas as mensagens publicadas pelo usuário aparecerão nela, linha por linha, sendo que visualização é atualizada repetindo o mesmo comando — depois de digitá-lo uma vez, pressione a tecla direcional para cima e em seguida Return. O problema dessa dica é que, se o usuário der muitos retweets, curiosamente o texto dele não passará do primeiro “@” na mensagem.

Publicidade

Para enviar um update para o seu Twitter via Terminal, use o comando a seguir:

[code lang=”cpp”]curl -u usuario:senha -d status=’Mensagem’ https://twitter.com/statuses/update.xml[/code]

Onde o termo “usuario” deve ser substituído pelo seu login no Twitter e o termo “senha” pela sua senha — não se preocupe, pois a conexão é feita de forma segura entre o serviço e o seu computador. Não me restam dúvidas de que os programadores do serviço começaram a usá-lo desse jeito… 😛

[via Mac OS X Hints]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Compatibilidade do iPhone OS 4.0

Em resposta via email, Steve Jobs confirma que Apple abandonou suporte ao iPhone de primeira geração

Próximo Artigo

Flash CS5 exportará conteúdos para Canvas do HTML5

Posts Relacionados